Tempo de leitura: < 1 minuto

Em artigo publicado na edição deste sábado do jornal A Tarde (clique aqui, se for assinante), o economista Armando Avena, que foi secretário da Fazenda do Estado no governo Paulo Souto, faz elogios entusiasmados ao projeto da Ferrovia Oeste – Leste, que ligará Ilhéus, no sul da Bahia, ao município de Figueirópolis, em Tocantins.
Na opinião de Avena, ao eleger a ferrovia como principal projeto de infraestrutura de seu governo, Jaques Wagner “deve saber que, se for capaz de implantá-la, terá um lugar garantido na história econômica da Bahia”.
Avena diz ainda que, sem a rodovia, a Bahia ficará isolada, “será uma ponta solitária, sem ligação com as rotas básicas de comercialização do País”.

Uma resposta

  1. Fui informado de que o representante dos 27 municipios do litóral sul no CONCIDADE-BA Edson Gomes,colocou como pauta da próxima reunião a possibilidade de inclusão de trem de passageiros no projeto da ferrovia oeste-leste.
    Obs.Este Edson Gomes é conhecido pelo apelido de PULE,presidente da UABI (União das Associações de Bairros de Itabuna.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.