Tempo de leitura: < 1 minuto

Exclusivo

Almeida assume a Biofábrica de Cacau.
Almeida assume a Biofábrica de Cacau.

Como antecipou o Pimenta (confira aqui), o produtor Henrique Almeida será o novo diretor-geral do Instituto Biofábrica de Cacau, em substituição ao técnico agrícola Moacir Smith Lima. Henrique Almeida assume como produtor, mas entra pela cota do PP, o novo e mais fortalecido aliado do governador Jaques Wagner.

Almeida é presidente da Associação dos Produtores de Cacau (APC) e fiel seguidor do secretário-geral do PP baiano, Jabes Ribeiro. Os membros do Conselho de Administração aceitaram, por unanimidade, a indicação feita pelo vice-presidente da Federação da Agricultura do Estado da Bahia (Faeb), José Mendes.

Mais informações em instantes.

0 resposta

  1. Apesar de exímio produtor, Conhecedor e fiel escudeiro da cacauicultura, Almeida não é Agrônomo. Parabéns pela nomeação.

  2. Mais uma melecada na região
    EM UM MINUTO CRIARAM ESSA ASSOCIAÇÃO E O CARA JÁ RECEBE UMA INDICAÇÃO DESSA NO COLO SÓ NO SUL DA BAHIA MESMO
    E VIVA A MALANDRAGEM POLÍTICA…

  3. HENRIQUE ALMEIDA SEMPRE FOI FIEL A AGRICULTURA, É UM AMIGO MEU DE INFANCIA , HONESTO, TRABALHADOR,E VAI REPRESENTAR MUITO BEM A BIOFABRICA, E SEI QUE NOSSO AMIGO O JESUS PODERA ESTÁ DE VOLTA PARA FORTALECER A NESSIDADE DOS PRODUTORES DO CACAU NIGUEM MAIS DO QUE ELE SABE ÁS SITUAÇÕES, PARABENS AO PP PELA GRANDE ESCOLHA, PARABENS AO MEU AMIGO DE INFANCIA E ESTOU FELIZ POR ISSO, E GERALDO TEM QUE MUDAR A MANEIRA DE SER SE ELE NÃO APRENDEU EU ENSINO, NO CASO DO JABISTA COM ESSA OPINIÃO É MUITO ERRADO QUEM É FIEL A JARBES NÃO DIZ ESSA BOBAGEM,ULISSES

  4. FALTA TUDO EM ITABUNA
    CADE FABIO, GERALDO, AZEVEDO E JOSIAS MIGUEL ETC JABES NÃO MANDA EM ILHÉUS… AGORA MANDA EM ITABUNA!!!
    TRISTE ITABUNA CIDADE 100 NINGUÉM

  5. Devagarzinho Dom Jabes vai arrumando empregos para o pessoal da sua TROPA DE CHOQUE e mostra que está com tudo no Governo Wagner.

    Parabéns Jabes, o FENIX da política regional.

    Ilheense

  6. Moacir tinha grandes projetos e fez muito pela biofabrica ,porem foi aliado de um cara chamado Geraldo Simoes que nao deu apoio ,para que ele desenvolve-sse seus planos com seriedade e com competencia ,porque conhecendo a pessoa do Sr Moacir ele é sim um grande homem e merece o respeito de todos nos leitores desta coluna

  7. Geddel: é que estava certo ele disse uma vez
    “Que as lideranças do cacau cabem em uma kombi”

    Quando o Senhores. JABES E Henrique Meleca FIZERAM ALGO DE EFICAZ PARA A CACAUICULTURA REGIONAL?
    Responde ILHÉUS…

  8. ESSA KOMBI DE SER GRANDE JABES NOMEOU TODO MUNDO DO PP DE ILHÉUS, KKKKKKKKKKKKKK DEVE TER VIRADO UM ONIBUS KKKKKKKKKKKKK PARABENS HENRIQUE ALMEIDA RS,ULISSES

  9. Durante o fim de semana farei um comentário mais completo sobra a Biofábrica porque estou indo a Salvador participar da posse do Dr. João Martins na FAEB e como vou de carro já estou saindo, mas para que não comece na lista as especulações sobre o assunto esclareço que O Instituto Biofábrica no qual a partir de agora sou o novo diretor não é um órgão do Governo do Estado da Bahia e sim uma Organização Social [OS] que gere a Biofábrica, num total de sete conselheiros que elegem seus diretores o Governo do Estado da Bahia tem apenas dois votos, os outros são compostos pela UESC, CEPLAC e representante dos sócios fundadores. Não fui indicado por NENHUM partido político, não pertenço a NENHUM partido político, a mudança na Biofábrica foi um entendimento dos seus conselheiros que entenderam que nesse momento estaria na APC à melhor representação dos produtores para assumir o Instituto Biofábrica, tanto é que não sou apenas eu que estou assumindo, mas também o vice-presidente de meio ambiente da APC o engenheiro agrônomo e professor da UESC Durval Libâneo Mello que a partir de agora assume a diretoria técnica do Instituto. Agradeço as palavras de incentivo de Paulo Cortizo e de Antônio Walter e quando comentar no fim de semana tenho certeza que a maioria irá entender a importância de termos o Instituto Biofábrica gerido pelos produtores através da APC. Abraço a todos.

    Henrique de Almeida
    Presidente da APC

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.