Bandeirinha Brasileira vai atuar na partida entre Alemanha e Costa Rica || Foto Liamara Polli/CBF
Tempo de leitura: < 1 minuto

A brasileira Neuza Inês Back está escalada para integrar o primeiro trio de arbitragem completamente feminino em uma Copa do Mundo Masculina. Nesta quinta-feira (1º), a auxiliar estará no duelo entre Costa Rica e Alemanha, pela última rodada do Grupo E, ao lado da árbitra central Stéphanie Frappart (FRA), a assistente Karen Diaz Medina (MEX), e a quarta árbitra Said Martinez (HON).

Aos 38 anos, Neuza já superou outras barreiras no futebol, a assistente atuou no Mundial de Clubes FIFA de 2020, na primeira arbitragem completamente feminina da competição, ao lado da árbitra Edina Alves Batista. Além disso, a assistente também formou o primeiro quarteto feminino a apitar um jogo da CONMEBOL Libertadores. Catarinense de origem, a profissional é filiada da Federação Paulista de futebol (FPF) e tem mais de 100 partidas na Série A do Campeonato Brasileiro.

Além de Neuza, a arbitragem brasileira marca presença com sete indicações na Copa do Mundo FIFA Catar 2022, um recorde do país em Mundiais. A equipe é composta pelos árbitros centrais Wilton Pereira Sampaio e Raphael Claus, os assistentes Bruno Pires, Bruno Boschilia, Danilo Manis e Rodrigo Figueiredo. Com as indicações, o Brasil é o país, ao lado da Argentina, com o maior número de representantes no torneio.

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.