Decisão suspende direitos políticos de Padre Edinaldo e exige pagamento de R$ 368.357,84 ao FNDE
Tempo de leitura: 2 minutos

Nesta terça-feira (14), a Justiça Federal condenou o ex-prefeito de Itaju do Colônia Edinaldo Martins dos Santos, Padre Edinaldo, por improbidade administrativa, no âmbito de ação civil pública sobre recursos destinados à construção de uma creche no município do sul da Bahia.

A decisão do juiz Luís Felipe Pimentel da Costa, da 2ª Vara Federal Cível e Criminal de Itabuna, suspende os direitos políticos do réu por 4 anos, exige a devolução de R$184.178,92 aos cofres públicos e impõe multa do mesmo valor a Edinaldo. Cabe recurso.

SENTENÇA ENVOLVE DINHEIRO DESTINADO À CONSTRUÇÃO DE CRECHE

Conforme a sentença, em 2011, quando Padre Edinaldo era prefeito, a Prefeitura de Itaju do Colônia recebeu R$ 607.158,41 para construir uma creche escola. O dinheiro saiu do Programa Nacional de Reestruturação e Aparelhagem da Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), por meio do Convênio nº 700102/2011.

Segundo a decisão judicial, a empresa contratada pelo município recebeu o valor integral do contrato (R$ 616.091,81), mas executou apenas 70,43% dos serviços pagos – informação constatada por nota técnica juntada ao processo.

Conforme nota técnica, apenas 70,43% dos serviços pagos foram executados

O valor cuja devolução é exigida ao ex-prefeito corresponde ao percentual não executado da obra. Com a multa de R$184.178,92, a sentença determina que Padre Edinaldo pague R$ 368.357,84 ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Trecho da sentença

A ação civil pública também havia pedido a condenação do réu por enriquecimento ilícito, mas, segundo a decisão, não há provas de que o ex-prefeito tenha sido beneficiado do dano ao erário.

Valdece é reeleito provedor da Santa Casa de Itabuna || Foto Divulgação
Tempo de leitura: < 1 minuto

Por aclamação, Francisco Valdece foi reeleito provedor da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. A eleição ocorreu na noite desta quarta-feira (15) e o advogado e professor continuará à frente da instituição por mais dois anos. A votação foi presencial e online.

Francisco Valdece reforçou que, entre as prioridades para o próximo mandato da provedoria, estão a reabertura do São Lucas e a conclusão do processo de certificação da Organização Nacional de Acreditação (ONA) do Hospital Manoel Novaes. “São dois sonhos que vamos transformá-los em realidade e que trarão ganhos tanto para os empregados quanto para os usuários do serviço de saúde do município”.

Com 100% dos leitos destinados a pacientes SUS, o Hospital São Lucas, na 1ª etapa, ofertará 62 leitos, dos quais 50 clínicos (enfermaria) e 12 de Terapia Intensiva (UTI). Os investimentos serão feitos gradativamente. “Para isso, já temos uma parte dos recursos assegurada por meio de emendas parlamentares”, explicou.

Além de Francisco Valdece, também foram eleitos o vice-provedor Peter Deviris Lemos; Sílvio Roberto Sousa (1º secretário); Carlos Veloso (2º secretário); André Wermann (1º tesoureiro) e José Saturnino Rodrigues (2º tesoureiro). A posse dos membros da provedoria está marcada para o próximo dia 3 de janeiro, no auditório da administração central.

TSE autoriza uso de dinheiro para aumentar alcance de pré-campanha na internet
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) unificou, em decisão desta terça-feira (14), o horário de votação nas eleições de 2022. No pleito, todos os estados deverão seguir o horário de Brasília, e não o horário local. A votação será das 8h às 17h em todo o país.

Dessa forma, a votação será das 7h às 16h no Amazonas, em Rondônia, em Roraima, no Mato Grosso e no Mato Grosso do Sul, onde o fuso é uma hora a menos em relação à capital federal. No Acre, o pleito começará às 6h e terminará às 15h, pois o fuso horário é duas horas a menos que o horário de Brasília. Em Fernando de Noronha, que está uma hora à frente, a votação será das 9h às 18h.

Ao comentar a mudança, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, disse que a medida foi tomada para que as eleições possam transcorrer com tranquilidade e não suscitem dúvidas sobre a lisura na divulgação de resultados.

IMPULSIONAMENTO NA PRÉ-CAMPANHA

A Corte Eleitoral também decidiu liberar o impulsionamento de publicações e perfis políticos nas redes sociais durante a pré-campanha. Até as eleições de 2020, o uso de dinheiro para aumentar o alcance das mensagens políticas na internet era autorizado apenas no período oficial de campanha.

Na mesma sessão, o TSE criou procedimentos para pedidos de direito de resposta e definiu regras para fiscalização das contas de partidos que vão se unir em federações.

Tempo de leitura: 2 minutos

Os trabalhadores das regiões da Bahia e Minas Gerais que foram atingidos pelas enchentes terão liberado o saque do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS). Segundo Caixa e Prefeitura, Itacaré é a primeira cidade credenciada e autorizada para a liberação do recurso.

Secretários municipais, por solicitação do prefeito Tonho de Anízio (PT), se reuniram com a gerente-geral da Caixa, Nádia Barbosa, para habilitar o município e liberar o saque do FGTS para as pessoas afetadas pelas chuvas em regiões com alagamento.

Secretários Marcos Japu, Jarbas Júnior, Marcos Luedy e Júnior Andrade em reunião com a gerente-geral Nádia Barbosa

A reunião contou com a participação dos secretários do Planejamento, Júnior Andrade, do Meio Ambiente, Marcos Luedy, da Administração, Marcos Japu, e de Governo, Jarbas Junior. No encontro, a gerente da Caixa explicou que os valores serão disponibilizados para saque após decretos municipais que declaram o estado de calamidade e reconhecimento do Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio de portaria, como é o caso de Itacaré.

Após a formalização da situação, a população poderá realizar o saque do FGTS de forma digital, sem necessidade de ir a uma agência, por meio do aplicativo FGTS, na opção Saque Digital. A modalidade de Saque Calamidade do FGTS é possível de ser aplicada quando o trabalhador tem direito a sacar o saldo da conta do FGTS por necessidade pessoal, urgente e grave por causa de um desastre natural que tenha atingido a área onde ele mora.

Podem solicitar o saque, nesta modalidade, os trabalhadores residentes nas áreas afetadas, conforme endereços identificados pela Defesa Civil Municipal. O valor do saque será o saldo disponível na conta do FGTS, na data da solicitação, limitado à quantia correspondente a R$ 6.220,00 para cada evento caracterizado como desastre natural. A Caixa explicou que não será necessário ir às agências para receber os valores e que manterá a população informada sobre as próximas etapas para liberação do FGTS.

Cláudio (primeiro à direita) assumiu relatoria da CEI do Transporte || Foto Pimenta
Tempo de leitura: < 1 minuto

O vereador Cláudio Magalhães (PCdoB) apresentará panorama das investigações da Comissão Especial de Inquérito (CEI) sobre o transporte coletivo, nesta quinta-feira (16), às 8h, no Hotel Britânia, localizado no Centro Histórico de Ilhéus. A apresentação vai marcar a retomada do projeto Café com Política, encabeçado pelo ex-vice-prefeito José Henrique Abobreira.

A produção do relatório da CEI coube ao parlamentar do PCdoB. Um dos temas mais discutidos da investigação é o acordo por meio do qual a Prefeitura de Ilhéus assumiu o compromisso de pagar R$ 15 milhões às empresas concessionárias do transporte coletivo, como subsídio.

Aberta ao público, a reunião também dará espaço ao debate da política nacional, com o tema das federações partidárias, instituto que estreará nas eleições de 2022, substituindo as antigas coligações.

Barroso visitou fábrica no polo de informática de Ilhéus || Foto Divulgação/TSE
Tempo de leitura: < 1 minuto

O ministro Luís Roberto Barroso , presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e membro do Supremo Tribunal Federal (STF), visitou nesta terça-feira (14) a fábrica responsável pela montagem da nova versão da urna eletrônica, no polo de informática de Ilhéus, no sul da Bahia.

Conforme o TSE, nas eleições de 2022, os eleitores contarão com novas urnas eletrônicas protegidas pela tecnologia de hardware com os mesmos requisitos da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil. São mais de 200 mil urnas do modelo UE 2020, que já sairão da fábrica protegidas por esse novo equipamento certificado.

Após a visita à fábrica, o ministro almoçou em um restaurante tradicional de Ilhéus, localizado na Avenida Dois de Julho.

Tonho de Anízio tem contas do exercício de 2019 aprovadas por unanimidade
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Câmara de Vereadores de Itacaré aprovou, por unanimidade, as contas do exercício de 2019 do prefeito Antônio de Anízio, Tonho de Anízio (PT), em sessão ocorrida nesta terça-feira (14). Durante a sessão, os vereadores apontaram “a transparência da gestão municipal, a responsabilidade na realização das obras e compromisso com o social, cuidando das pessoas e gerando empregos e renda e Itacaré”.

De acordo com o presidente da Câmara de Vereadores, Lenoildo Ribeiro, Canelinha (PL), a aprovação das contas significa o reconhecimento do Poder Legislativo de Itacaré “de todo o trabalho que vem sendo feito no município, garantindo o desenvolvimento, gerando emprego, renda e oportunidades para todos”. A Redação Final do parecer da Comissão de Finanças aprovando as contas da Prefeitura de Itacaré referente ao exercício de 2019 será encaminhada aos órgãos competentes.

Os vereadores foram unânimes em citar as obras que vêm sendo executadas em Itacaré, na sede e na zona rural, além dos investimentos em saúde, educação, agricultura familiar, turismo e geração de emprego e renda.

AGRADECIMENTO

Tonho de Anízio comemorou o resultado da votação e agradeceu “a todos os vereadores pela confiança e por reconhecerem o trabalho que vem sendo desenvolvido”. O prefeito ainda fez questão de ressaltar a importância dos vereadores na administração da cidade, da relação harmoniosa entre os poderes e do compromisso de aprovar todos os projetos e leis que tragam benefícios para a cidade.

Prefeito envia à Câmara projeto que altera quadro de pessoal e regime jurídico dos servidores
Tempo de leitura: 2 minutos

O prefeito Augusto Castro (PSD) indica que pretende ampliar o quadro de terceirizados da Prefeitura de Itabuna, segundo a mensagem que acompanha projeto de lei enviado hoje (14) à Câmara de Vereadores. “Ao examinar as contratações, verificou-se que muitas delas se relacionavam com a atividades-meio e que são aproveitadas melhor quando prestadas por terceiros alheios ao serviço público efetivo, tal como ocorre com cargos de Agente de Infraestrutura, Agente de Serviços Gerais, Calceteiro, Carpinteiro, Eletricista, etc.”, informa o texto assinado pelo mandatário.

Segundo a Prefeitura, a iniciativa proposta tem sido adotada em diversos órgãos públicos municipais, estaduais e federais. O projeto de lei propõe alterações na Lei Municipal nº 2.042, de 18 de junho de 2007, que dispõe sobre o Quadro Geral de Pessoal e definição do Regime Jurídico dos Servidores Públicos da Administração Direta e Indireta do Município.

Ainda conforme a mensagem do prefeito, a ampliação, maior complexidade, tecnicidade e perícia dos serviços públicos prestados pelos municípios obrigaram gestores a promover contratações precárias para o desempenho de atribuições típicas de cargos públicos, mas sem criá-los por meio de lei.

O secretário de Gestão e Inovação José Alberto de Lima Filho disse que a aprovação do projeto de lei é pré-requisito para que o município possa fazer concurso público, nos termos de acordo firmado com o Ministério Público do Estado da Bahia.

GOVERNO AFIRMA QUE NÃO AUMENTARÁ DESPESA COM PESSOAL

De acordo com a Prefeitura de Itabuna, se aprovadas, as mudanças na legislação vão diminuir o índice de despesa com pessoal e aumentar a profissionalização dos serviços, além de facilitar a substituição de servidores faltosos ou em gozo de licença ou afastamento.

“Após estudo prévio, criou-se cargos de natureza técnica e ampliou-se o número de vagas de outros cargos já existentes, todos vinculados à atividade finalística, visando à otimização da prestação do serviço público. Visando evitar o aumento da despesa com pessoal, houve a extinção de cargos e a redução do quantitativo de vagas, com o remanejamento para áreas estratégicas. Portanto, não há que se falar em aumento da despesa com gastos com pessoal”, concluiu o prefeito na mensagem aos vereadores de Itabuna.

O PIMENTA não encontrou cópia do projeto de lei nos sites do Executivo e do Legislativo. Procurada, a Prefeitura recomendou à reportagem que aguarde a leitura do texto em plenário. A exemplo das mudanças na legislação tributária, aprovadas em setembro passado, a reforma administrativa tramita em regime de urgência na Câmara.

Prefeitos sul-baianos partem em caravana para mobilização municipalista em Brasília
Tempo de leitura: < 1 minuto

O presidente da Amurc e prefeito de Itajuípe, Marcone Amaral, juntamente com os prefeitos associados, está a caminho de Brasília para participar da Mobilização Municipalista, nesta terça (14) e quarta-feiras (15), no Congresso Nacional. O novo parcelamento das dívidas previdenciárias é uma das pautas prioritárias do movimento convocado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

São pontos prioritários do movimento no Legislativo a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 23/2021, conhecida como PEC dos Precatórios, a PEC 122/2015 (encargo vinculado ao repasse) e a PEC 13/2021 (mínimo da educação em 2020). Ainda integram a pauta o Projeto de Lei PL 3339/2021 (regulamentação do Fundeb) e o PDL 290/2019 (Organizações Sociais fora do limite de pessoal), entre outras.

PROGRAMAÇÃO

A mobilização municipalista começará às 9h de terça-feira, na sede da CNM. Após assembleia geral extraordinária da entidade e seus filiados, começará às 10h a reunião de orientação sobre a pauta e as ações com o presidente Paulo Ziulkoski.

À tarde, serão iniciadas as articulações em defesa dos temas diretamente com os parlamentares e por meio de reuniões de bancada. A pauta prioritária trabalhada pelo movimento municipalista já foi apresentada e discutida com o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), em reunião com o presidente da CNM na última semana.

“A CNM está forte na sua missão de construir propostas com impacto positivo para as gestões e as finanças municipais e de atuar politicamente para viabilizá-las. Mas para alcançarmos o resultado final precisamos de todos unidos e mostrando o peso do movimento ao Congresso”, alerta Ziulkoski sobre a importância de participar da mobilização.

Na quarta-feira (15), as atividades recomeçam às 9h, com concentração no auditório Nereu Ramos, na Câmara. Pela tarde, seguirão as ações de diálogo com os parlamentares.

Ex-presidente fez convite de filiação em maio, durante reunião com Fabiano Contarato
Tempo de leitura: < 1 minuto

O senador Fabiano Contarato confirmou sua saída da Rede Sustentabilidade, partido pelo qual representou o Espírito Santo no Senado desde 2018, para se filiar ao PT, após convite do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, feito em maio deste ano. O parlamentar divulgou nota sobre o assunto nesta segunda-feira (13), nas redes sociais.

Contarato afirmou que pretende somar esforços para que o país retome o desenvolvimento, com geração de emprego, defesa dos direitos humanos e investimento em saúde e educação.

Para o senador, os erros de membros do PT foram investigados e devidamente punidos pela Justiça. “Defendo que a lei vale para todos e tem de ser cumprida doa a quem doer”, acrescentou.

Ele também defendeu o legado dos governos liderados pelos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. “Devolveram ao país credibilidade internacional, permitiram aos pobres cursar universidade, expandiram a estrutura de ensino no país, abriram os porões da ditadura com a Comissão Nacional da Verdade, democratizaram a participação da sociedade nas decisões de governo, geraram crescimento econômico alinhado com políticas sociais exitosas, devolveram aos brasileiros o orgulho nacional”, assegurou.

Wagner fez profecia ao ironizar foto de Bolsonaro abraçado com ACM Neto em 2019: "pagará preço político"
Tempo de leitura: < 1 minuto

O tempo deu razão ao Galego. A foto daquele abraço risonho no bolsonarismo é uma peça de campanha contra Neto. Dessas que valem outdoor.

Thiago Dias

Todo mundo sabe que ACM Neto se esforça para reduzir o impacto da corrida presencial sobre a eleição baiana. A missão do pré-candidato a governador é duríssima.

Nas primeiras consultas ao eleitorado, o efeito Lula começa a ganhar contorno assombroso para o democrata. Colado ao ex-presidente, Wagner, seu principal adversário, cresce muito nas sondagens de voto, e o ex-governador nunca perde a oportunidade de lembrar ao mundo que é amigo de Lula há 40 anos.

Declaração recente de Flávio Bolsonaro não ajuda o ex-prefeito de Salvador. O filho 01 do presidente disse que o apoio de Neto é cobiçado por seu pai (de novo).

Quem não sabe?

Neto escolheu Jair Bolsonaro no segundo turno de 2018. Agora, o capitão quer outro abraço pra foto, feito aquele de abril de 2019. Na época, um Wagner irônico profetizava: “Eles estão se identificando. Aí depois Neto pagará o preço político disso perante o povo de Salvador e da Bahia”.

O tempo deu razão ao Galego. A foto daquele abraço risonho no bolsonarismo é uma peça de campanha contra Neto. Dessas que valem outdoor.

Thiago Dias é repórter e comentarista do PIMENTA.

Prefeitura de Ubaitaba destrói estádio de futebol
Tempo de leitura: 2 minutos

A Justiça determinou que a Prefeitura de Ubaitaba encontre um local adequado para o funcionamento de escolinhas de futebol que atende a cerca de 260 crianças e adolescentes carentes na cidade. A decisão, da Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Bahia, atende a pedidos apresentados pelo Ministério Público da Bahia e deve ser cumprida nos próximos 30 dias.

A justiça determina que o espaço viabilizado pela prefeitura tenha campo de futebol, vestiários, banheiros, sala para reuniões e seja de fácil acesso, de forma que as escolinhas possam ser instaladas, inclusive de futebol feminino, e que as crianças possam dar continuidade à prática das atividades desenvolvidas no Estádio Municipal Everaldo Silva Melo, que está em processo de demolição.

A decisão da Segunda Câmara reforma sentença proferida pelo juiz de primeira instância, que havia deferido parcialmente os pedidos apresentados em ação civil pública ajuizada pelo MP-BA para assegurar o funcionamento do único estádio de futebol da cidade.

A decisão de primeiro grau já havia determinado à prefeitura que informasse sobre existência de ato legislativo que autorizasse a demolição, apresentasse plano de apoio às escolinhas que funcionavam no estádio e disponibilizasse informações sobre o imóvel. O MP-BA, preocupado com a demolição, interpôs o recurso que agora deverá garantir a disponibilização de local para funcionamento das escolinhas.

FORMA EVASIVA

Segundo o promotor de Justiça Allan Santos Góis, a Prefeitura de Ubaitaba chegou a ser oficiado pela Promotoria de Justiça para prestar informações sobre o processo de demolição, mas respondeu de forma evasiva, no sentido de que ainda iria ocorrer a licitação para construção de um novo estádio, com verba e de responsabilidade da administração estadual, mas sem relato de alternativa de apoio para a continuidade das atividades esportivas voluntárias enquanto não finalizada a obra do novo estádio.

O promotor destaca também que o Município não apresentou documentos, sequer a planta, que comprovassem a existência de supostos problemas estruturais do equipamento que inviabilizariam a recuperação do estádio. “Admite, entretanto, que o estádio se localiza em área privilegiada”, afirma Allan Góis.

O representante do MP-BA observa a prefeitura pretende utilizar o espaço para expandir a zona de comércio da cidade, ou seja, os munícipes perderão este equipamento tão importante para a prática de esportes na comunidade. Ele denuncia que o Município quer demolir o estádio para vender lotes do terreno a particulares, com o objetivo de ampliar a zona comercial da cidade.

Allan Góis complementa que, apesar de solicitadas pelo MP-BA via ofício, o Município não apresentou informações sobre soluções alternativas para a continuidade das atividades esportivas comunitárias e não deu previsão de quando ocorreria a construção de novo estádio.

Cosme se envolveu em acidente automobilístico nesta segunda-feira; confira nota do PMN
Tempo de leitura: < 1 minuto

O vereador Cosme Resolve se envolveu em um acidente de trânsito na tarde desta segunda-feira (6), no bairro de Fátima, em Itabuna (relembre aqui). Nesta terça-feira (7), o PMN, legenda do parlamentar, divulgou nota sobre o caso.

Assinada pelo presidente do PMN em Itabuna, João Batista, a nota diz que a colisão causou somente prejuízos materiais, e que o episódio não reflete a conduta política do parlamentar na Câmara de Vereadores. Leia a íntegra.

João Batista, presidente do PMN de Itabuna, sai em defesa do vereador do partido

“PMN – Partido da Mobilização Nacional, diretório em Itabuna, vem a público lamentar o fato ocorrido com o vereador Cosme Resolve, que na tarde de segunda-feira (6), envolveu-se em acidente automobilístico, causando somente prejuízos materiais.

Por fim, o PMN informa que o episódio isolado não reflete as condutas do vereador Cosme Resolve na Câmara, onde pauta o seu mandato em favor dos mais carentes.

Itabuna, 07/12/2021
João Batista – Presidente do diretório municipal”

Jânio Natal, prefeito de Porto Seguro, proíbe música eletrônica e participação de DJ's nas festas de Caraíva
Tempo de leitura: 2 minutos

O Decreto 13.401/21, publicado no último dia 2 pelo prefeito Jânio Natal (PL), proibiu a execução de música eletrônica e a participação de DJ’s nos eventos em Caraíva Velha, o distrito paradisíaco do município de Porto Seguro, no sul da Bahia.

A especificidade da proibição – que não alcança outras formas de expressão musical, como bandas e cantores – revoltou um músico que atua há 20 anos no estado. Ele procurou a reportagem do PIMENTA para questionar a medida da Prefeitura, sob a condição de ter a identidade mantida em sigilo, pois teme eventuais represálias.

Proibição foi estabelecida no segundo artigo do decreto municipal

“[A decisão é] fundamentada em quê? Em preconceito? Porque os eventos vão acontecer”, disse o músico, referindo-se às festas agendadas para o período de fim de ano em Caraíva, inclusive as de Réveillon. Artistas consagrados no cenário nacional integram a programação dos festejos, a exemplo de Falcão, Banda Eva e Mariana Aydar.

Ele insiste no questionamento. “Qual é o critério, se o volume [do som] pode ser o mesmo?”.

Depois, apresenta seu ponto de vista político sobre o paraíso à beira-mar. “Caraíva é uma colônia sul, sudestina e gringa. Existem poucas pessoas da Bahia usufruindo daquele espaço. Tudo está sendo vendido para pessoas de fora. Boa parte desse empresariado, que está lá há mais tempo, quer a manutenção de uma tradição de Caraíva, que é uma coisa muito mais ligada ao forró e ao samba. Por eles, a coisa ficava nesse lugar pra sempre, porque talvez seja a preferência musical deles. Não é errado ter preferência. A questão é impedir que as coisas sigam para o lugar que elas vão. Gerar um impedimento é como colocar uma barricada na história, uma barragem no fluxo da história”.

Acesse o decreto na íntegra.

OUTRO LADO

Às 9h55min desta terça-feira (7), o PIMENTA telefonou para o Gabinete do Prefeito. A atendente do órgão informou que questionamentos da imprensa devem ser feitos à assessoria da Secretaria de Relações Institucionais. Procurado, o assessor da pasta recomendou que a reportagem mantivesse contato com um segundo assessor, com quem conversamos por telefone.

Na conversa, o representante da Prefeitura de Porto Seguro solicitou que enviássemos o questionamento via WhatsApp. Às 10h30min, em mensagem de texto, o PIMENTA reafirmou o objetivo de entender os critérios da proibição de música eletrônica e dos DJs nas festas de Caraíva. Não obtivemos resposta até o fechamento desta matéria, às 14h.

Marcolino representa juventude no Conselho de Desenvolvimento da Comunidade Negra
Tempo de leitura: < 1 minuto

O ilheense Marcos Vinícius Vieira, Marcolino, está feliz com a oportunidade de representar a juventude no Conselho Estadual de Desenvolvimento da Comunidade Negra. Na cadeira titular há um mês, ele explicou ao PIMENTA que seu principal objetivo é ser um interlocutor da região sul da Bahia dentro do colegiado.

“Estou mais em contato com os artistas da cultura hip hop, mas a atuação do Conselho vai muito além das manifestações culturais. É um espaço para que a comunidade negra apresente, discuta e resolva suas demandas, especialmente as reivindicações sobre políticas públicas”, afirma o conselheiro.

Membro do grupo Cristãos contra o fascismo, Marcolino também destaca o papel do Conselho no diálogo com setores progressistas do cristianismo. “Estamos abertos para conversar com a comunidade e também trabalhamos para mobilizar as pessoas em torno das causas que estão diretamente ligadas com a vida cotidiana, como o combate à violência contra a juventude preta e a luta contra a intolerância religiosa”, concluiu.