Tempo de leitura: < 1 minuto

A informação é do blog Sport News: Quatro médicos que atendem na unidade de pronto atendimento a pacientes da dengue, inaugurada em 13 de março pelo governador Jaques Wagner, estão há quatro meses sem receber salário. Os profissionais estão vinculados à Santa Casa de Misericórdia de Itabuna e ameaçam cruzar os braços. A Santa Casa diz que os atrasos se devem à falta de repasse do din-din por parte do governo estadual.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Não foi nada amigável o reencontro entre Marcos Gomes e o secretário de Planejamento da Prefeitura de Itabuna, Maurício Athayde. O contato se deu no aniversário do pai de Marcos, o ex-prefeito Fernando Gomes, no dia 30.

Athayde se aproximou sorridente e cumprimentou um Marcos Gomes gélido, que não fez mistério sobre o motivo da frieza: “passei seis meses telefonando e você não atendeu”.

O período ao qual o filho do ex-prefeito se referiu foi o que ele esteve foragido, por conta da acusação de assassinato do vaqueiro Alexsandro Honorato.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Quem disse que Minas Gerais perdeu a vez na prefeitura de Ilhéus, após a saída de Valderico Reis? Perdeu nada. A mais nova mineira do pedaço é a GCT – Gerenciamento e Controle de Trânsito.

A empresa foi a vencedora de uma carta-convite e alugará à prefeitura um sistema de software para gerenciar os autos de infração de trânsito, desde a notificação até o envio da multa à residência do infrator e, também, o acompanhamento de recursos.

Outras duas empresas foram convidadas a participar do processo, a DCT Tecnologia e Serviços Ltda. e a Engebras S/A. Houve quem falasse em favoritismo da GCT. A escolha foi definida na semana passada. Mas não houve publicidade da coisa.

Há quem queira trazer à tona todo o processo em que a mineira saiu vencedora.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os agentes penitenciários do Conjunto Penal de Itabuna estão enfrentando –  a maioria em virtude da extrema necessidade do emprego –  um regime de semi-escravidão. Por lá, trabalha-se dois meses para receber o salário de um e qualquer manifestação de descontentamento obtém resposta desrespeitosa do representante da empresa responsável pelos contratos, a Yumatã.

É naquela linha de “os insatisfeitos que peçam pra sair”.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um fato inusitado aconteceu no início do cortejo de políticos presentes aos festejos do 2 de Julho em Salvador.

O prefeito João Henrique, acompanhado do ministro Geddel Vieira Lima, levou uma sonora vaia dos servidores públicos municipais.

O presidente do PMDB Lúcio Vieira Lima, munido de uma possante vuvuzela (aquele corneta infernal usada pela torcida da África do Sul na Copa das Confederações), tentou fazer barulho para abafar as vaias, provocando risos dos presentes.

De farofeiro a corneteiro, esse Lúcio ainda acaba no CQC.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Pedro e Emanuel lideram uma banda  que faz sucesso em todo o país e começa a conquistar a Europa e os Estados Unidos. Seus shows a bordo de “discos-voadores elétricos”, versão moderna dos antigos trios elétricos, atraem multidões, com canções que resgatam o melhor da musica baiana, numa releitura dos imortais Caetano Veloso, Gilberto Gil e Dorival Caymmi, passando longe do axé-music, sucesso instantâneo do final do século XX e início do século XXI.

Pedro e Emanuel não esquecem a infância humilde em Itabuna, cidade do
Sul da Bahia onde nasceram e despontaram para  a música. Sempre que podem, colaboram com campanhas educativas e participam de shows beneficentes no município.

Leia mais no Blog do Thame.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Tem gente ignorando a máxima de Neném Prancha (“Se macumba ganhasse jogo, campeonato baiano terminava empatado”) e apelando para recursos sobrenaturais, na tentativa de vencer o disputado Campeonato Interbairros de Itabuna.

A competição se inicia no dia 26 de julho, antevéspera do aniversário da cidade, e as equipes já se organizam. Sabe-se que pelo menos uma, a do bairro de Fátima, pretende usar de todos os recursos disponíveis “no aquém e no além” para colocar a mão na taça.

Para isso, o time – cansado de nadar e morrer na praia – contratou dois pais de santo como reforços. Provavelmente, um fará montinhos artilheiros com farofa no ataque e o outro não vai permitir a entrada de frango (só galinha preta) na defesa.

Ninguém segura esse time.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Alexandre Rodrigues Rafael, de 27 anos, foi preso no início desta manhã, após ter agredido a companheira, Poliana Alves Santos, de 22, além do próprio tio, identificado como Marcos Antônio, e um sobrinho, o menor de iniciais F.R., de 16 anos. O fato ocorreu na madrugada de hoje, no bairro da Conquista, em Ilhéus.

Segundo informações colhidas pela polícia, todos os envolvidos passaram a madrugada bebendo, até que Alexandre foi acometido de uma crise de ciúmes e passou a agredir a companheira.

O tio de Alexandre tentou intervir e também apanhou, o mesmo ocorrendo com o sobrinho do agressor, que levou soco e cabeçada no rosto. Enfurecido, Alexandre ainda arrebentou uma grade e a porta do banheiro da casa onde acontecia a farra, para continuar batendo em Poliana.

Somente com a intervenção de outro homem, pai do adolescente agredido, foi possível conter Alexandre, que foi enquadrado na Lei Maria da Penha e, até o horário desta postagem, aguardava o pagamento de fiança para ser liberado.

Poliana Alves Santos contou à polícia que essa não foi a primeira vez que apanhou de Alexandre, com quem convive há seis anos. Suas crises de ciúme são frequentes e ele há chegou a bater na companheira três após ela ter dado à luz.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Quem compareceu ao jantar oferecido pelo ex-prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, após a cerimônia dos “segura-vela”, ouviu um discurso de tom professoral.

Cheio de autoridade, FG estufou o peito e, ao seu modo,  procurou dar uma aula de como administrar o município. Entre outras coisas, o “ex” disse que “prefeito que não sabe governar não é prefeito coisa nenhuma”. Além disso, insinou que tem secretário falando mal do Capitão Azevedo.

No seu canto, o prefeito ouvia tudo calado.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Agentes de trânsito de Ilhéus não podem exercer sua função com tranquilidade por serem constantemente afrontados pelas carteiradas do vereador ilheense conhecido pelo apelido de “Gurita”.

Para fazer média com os seus chegados, o vereador está sempre procurando cancelar as multas de trânsito emitidas pelos agentes. Mas nem sempre consegue…

Outro dia, Gurita discutiu com um agente de trânsito por causa de uma multa que este havia emitido. Apelando para o lado religioso, o vereador arriscou: “mas meu amigo, esse carro é de um irmão”. Sem se intimidar, o agente mandou: “mas nem se fosse de sua mãe”. 

E a conversa morreu aí.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A produção de cacau do Pará caminha em sentido inverso ao da Bahia. É crescente. A estimativa é de que cresça 20% neste ano. Mas, e sempre tem um mas, o cacau de lá apresentou queda de qualidade que já preocupa a indústria processadora, segundo a TH Consultoria.

O produto de origem paraense apresenta elevado teor de impurezas, má fermentação e altíssimos teores de umidade. De acordo ainda com a Consultoria, o cacau paraense corre o risco de cair para uma classificação semelhante ao indonésio, “considerado o pior do mundo”.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A nota pública em que o PT ilheense desanca o governo do prefeito Newton Lima foi só um tira-gosto do que está por vir. Se Newton Lima (PSB) pensa em pedir licença do mandato para tratar de sua saúde, pode até se apressar.

Vem aí uma movimentação de diversos partidos para ejetar o prefeito ilheense. Pesquisas recentes indicam uma queda abrupta na popularidade do comandante do Palácio Paranaguá. A rejeição bate em incríveis 52%. Os números são tão ruins para Newton que um ex-prefeito anda rindo de orelha a orelha. Sim, é ele. Jabes Ribeiro.

Os 52% são críveis. O prefeito não teve uma obra para inaugurar no aniversário da cidade, neste domingo, 28. E os problemas administrativos se acumulam em proporção semelhante à rejeição do prefeito. Ele fez um primeiro governo no estilo “feijão com arroz”. Agora, são seis meses sem respostas às promessas eleitorais. Há até quem fale em “estelionato eleitoral”. É, pode não chegar a tanto.

Tempo de leitura: < 1 minuto
foto Dida Sampaio / Agência Estado
foto Dida Sampaio / Agência Estado

Do Bahia Notícias:

O repórter do programa CQC, da TV Bandeirantes, Danilo Gentili, foi agredido nesta quarta-feira (1º) por um dos seguranças que faziam o isolamento do presidente do Senado José Sarney (PMDB-AP). Ele tentava entrevistar o parlamentar e chegou a levar dois empurrões até desabar no piso da principal Casa do Congresso Nacional. “Como você se sente sabendo que não é tão poderoso quanto pensava”, foi a pergunta do repórter. A equipe se queixou que ainda foi alvo de socos e pontapés depois do episódio, mas a Polícia do Senado afirma que tudo não passou de simulação. De acordo com a versão do órgão, Gentili teria se jogado depois de ser agarrado, batido a mão no chão para fazer barulho e comemorado o registro da imagem em seguida.

Veja abaixo porque os políticos odeiam Gentili:

Tempo de leitura: < 1 minuto

A partir desta quarta-feira (01), está proibido o estacionamento de veículos em um dos lados da rua Antônio Muniz, que dá acesso ao Hospital Calixto Midlej Filho, em Itabuna. A mudança foi justificada pela Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito como necessária para facilitar o tráfego naquela via.

Um agente de trânsito está a postos no local, por enquanto apenas orientando os motoristas. Mas o secretário Wesley Melo avisa: dentro de pouco tempo, quem estacionar onde não pode na Antônio Muniz, vai levar multa.