Fiscais interditam e lacram acesso à loja da Havan em Vitória da Conquista
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria de Serviços Públicos de Vitória da Conquista interditou a Loja da Havan no município do sudoeste baiano, na tarde desta quarta (13). Uma das maiores redes varejistas do país, a Havan é acusada de descumprir decreto municipal que proíbe o funcionamento de estabelecimentos não listados como essenciais pelo Executivo Municipal.

A loja foi interditada por fiscais da Gerência de Posturas que verificaram a presença de clientes no interior da loja. “Nossa ação é uma ação de fiscalização, mas é, principalmente, pela preservação da saúde pública. Estamos nas ruas para combater o coronavírus e contamos com a colaboração de todos”, afirma o secretário de Serviços Públicos, Luís Paulo Sousa.

Segundo Luís Paulo Sousa, a Secretaria de Serviços Públicos tem realizado rondas diárias e atendimento de denúncias de estabelecimentos que estão descumprindo as determinações de segurança. A população pode denunciar as infrações pelos telefones (77) 3420 7010, 3420 7009 ou 98856 4737 (Whatsapp).

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.