Tempo de leitura: < 1 minuto

Centenas de pessoas prestaram última homenagem a Júnior Kokó (Foto Pimenta).
Centenas de pessoas prestaram homenagem ao músico.

O corpo do músico Clóvis Leite Júnior, Júnior Kokó, foi sepultado há pouco no cemitério Campo Santo, em Itabuna. Amigos, familiares, artistas e fãs participaram de cortejo pelas principais avenidas do centro até o Campo Santo.
Um minitrio tocava as músicas preferidas do artista que morreu de câncer, aos 34 anos, emocionando quem acompanhava o cortejo.
Antes do sepultamento, milhares de pessoas passaram pela Catedral de São José para prestar a última homenagem ao músico. Prefeitos sulbaianos e vereadores também compareceram ao velório. Kokó fazia parte da Banda Lordão, da qual era vocalista. A banda é uma das mais famosas do interior baiano.

Tempo de leitura: < 1 minuto

As prefeituras controladas pelo PT e pelo PMDB são as que mais receberão verbas da Petrobras para programas e obras sociais nos últimos seis meses. Dos R$ 38,6 milhões reservados para as transferências, 67% beneficiarão cidades administradas pelas duas legendas, principais bases de sustentação política do governo Luiz Inácio Lula da Silva.
A maior parte do dinheiro está incluída no programa Fundo da Infância e Adolescência (FIA) e os repasses são efetuados através de convênios e contratos por dispensa ou inexigibilidade de licitação, conforme permite regulamentação própria da Petrobras. (Lívia Cortizo/Bahia Notícias).

Tempo de leitura: < 1 minuto

O sepultamento do músico Júnior Kokó, da Banda Lordão, foi adiado para as 14h. A mudança se deve a atrasos no translado do corpo de São Paulo a Itabuna. Antes, a chegada estava prevista para as 7h, o que só ocorreu às 10h. Centenas de amigos e fãs já passaram pela Catedral de São José, onde o corpo está sendo velado.
Fãs, amigos e familiares se emocionaram com as homenagens de Kokó, pai de Júnior, e dos colegas de banda. Júnior faleceu às 11h45min da manhã de ontem, no hospital Sírio-Libanês. Várias autoridades regionais já passaram pelo velório para prestar solidariedade à banda e à família do músico de 34 anos.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Essa notícia não estava na pauta do Pimenta, mas este blogueiro – que não morre de amores pela programação do SBT (nem dos canais abertos de modo geral) resolveu publicá-la assim mesmo.
Há algumas semanas, o comunicador e dono da bola (digo, do SBT), Sílvio Santos Abravanel, fez uma brincadeira de péssimo gosto com a apresentadora-mirim Maísa, que saiu chorando do palco (confira o vídeo abaixo).
 Sílvio acabou sendo acionado pelo Ministério Público e recebeu críticas de todo lado, mas o revés do malvadão não ficou só nisso. Agora, para mostrar que Deus castiga mesmo, Sílvio Santos acaba de receber a notícia de que vai perder o seu programa de maior audiência, o Domingo Legal. O titular da atração, Gugu Liberato, há mais de duas décadas no SBT, trocará o velho emprego por um novo, na Record, onde ganhará um salário de R$ 3 milhões mensais!
Para não dar o braço a torcer, Sílvio Santos disse a Gugu – ao receber a notícia funesta – que, pelo salário oferecido, até ele próprio deixaria o SBT. Porém, o que ele deixou mesmo foi uma grande vantagem para a Record se firmar no posto de segunda maior audiência, atrás da Globo.

Tempo de leitura: < 1 minuto

No início da década de 90 do século passado, a destruição avassaladora provocada pela vassoura-de-bruxa nas lavouras de cacau do Sul da Bahia, coincidiu com a expansão dos movimentos dos trabalhadores  sem
terra. Propriedades rurais abandonadas por produtores descapitalizados e/ou desesperançados, que surgiam às dezenas diante da rapidez com que a ´vassoura´ jogou a colheita a níveis abissais, eram o alvo fácil para invasões/ocupações (neste caso, mera questão de semântica) que não raro resultavam em desapropriações e implantação de assentamentos.
Leia mais no Blog do Thame.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Walmir é confirmado no cargo
Walmir é confirmado no cargo

Depois de passar mais de um mês exercendo interinamente o cargo de secretário de Assuntos Governamentais e Comunicação da Prefeitura de Itabuna, o advogado e jornalista Walmir Rosário vai assumir oficialmente a titularidade da Secretaria.
A posse do novo secretário, que substitui Josias Miguel, está marcada para esta sexta-feira (12), às 9 horas, no gabinete do prefeito José Nilton Azevedo.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Presos da cadeia pública de Itabuna iniciaram um motim nesta manhã. Eles protestavam contra a suspensão dos banhos de sol e das visitas, em função da paralisação de 72 horas da polícia civil.
O princípio de rebelião foi rapidamente controlado, com o apoio da companhia especial tático-ostensiva da Polícia Militar.
A paralisação dos policiais civis será encerrada somente às 8h da manhã desta quinta-feira (10).

Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma voz que fará falta neste São João
Uma voz que fará falta neste São João

Acostumado a ouvir a banda Lordão no Forró do Tico-Mia, em Ibicuí, o fotógrafo, blogueiro e secretário de Governo de Ilhéus, José Nazal, sente que haverá uma nota de tristeza neste São João.
“A gente bonita de Ibicuí vai sentir falta de uma bela voz”, lamenta Nazal em seu Catucadas. Nazal também se solidariza com a “família Lordão, de modo especial com Sônia e Kokó”, pais de Júnior.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Sepultamento de Júnior Kokó será às 11 horas
Sepultamento de Júnior Kokó será às 11 horas

Centenas de pessoas, entre fãs e amigos do cantor Júnior Kokó, da banda Lordão, aguardam a chegada do corpo do artista na Catedral de São José. Júnior faleceu ontem, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde se tratava de um câncer.
O corpo do artista veio em um voo para Salvador e foi transportado de carro para Itabuna, onde chegou agora pela manhã. Até 9h47min (momento em que este post foi redigido), o corpo ainda era aguardado na catedral, onde será velado até as 11h. Neste horário, o cortejo seguirá para o Cemitério do Campo Santo.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do Jornal Bahia Online
Quatro décadas após lei estadual alterar a denominação do Município de Barro Preto para Governador Lomanto Júnior, o Município localizado a 454 km de Salvador retoma seu nome de origem. A modificação foi promovida pela Câmara  de Vereadores que, em maio último, aprovou projeto de lei apresentado pelo prefeito municipal Adriano Clementino, e promulgou emenda à Lei Orgânica do Município, dispondo no artigo 1º que “passa a denominar-se Barro Preto o atual Município de Governador Lomanto Júnior”.
O projeto de lei foi apresentado pelo prefeito à Câmara após o gestor firmar Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público estadual, comprometendo-se a promover o encaminhamento com o objetivo de modificar a denominação do Município batizado em 1967 com nome de pessoa ainda hoje viva, o que, segundo o promotor de Justiça Patrick Pires da Costa, contraria dispositivo da Constituição Federal.
Leia mais em www.jornalbahiaonline.com.br

Tempo de leitura: < 1 minuto

O bicho pegou nas finanças da prefeitura de Ilhéus. Vamos ao fato – melhor dizendo, à confusão. Ontem, o secretário de serviços urbanos e de transporte e trânsito, Carlinhos Freitas, foi cobrar satisfações do homem das finanças, Gilvan Tavares.
Freitas acusou Gilvan de segurar os processos de pagamento da sua secretaria. O titular da pasta das finanças não deixou por menos. O que foi proferido por ambos é impublicável. As estruturas do centenário Palácio Paranaguá tremeram.
Freitas estaria contratando obras sem se ater à burocracia e fora da programação financeira do município. Na hora de pagar, o bicho pega. As obras, não custa lembrar, estão quase todas paralisadas. E não seria apenas falta de dinheiro.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A ressaca do Bahia foi daquelas… Há pouco, o time levou uma balaiada do Brasiliense, por 3×0. Agora, olha só o nome do estádio onde foi disputada a partida: Boca do Jacaré, em Brasília.
Pois é. Aos 4 minutos de jogo, Fábio Júnior abriu o placar. Aos 34min, Iranildo não perdoou e fez mais um. Didão deu números finais à vergonha baiana no Distrito Federal. Ele chutou da intermediária. A bola desviou e tirou qualquer chance de defesa para Marcelo. O Bahia caiu da terceira para a sexta colocação.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Tribunal Superior Eleitoral julgou nesta noite o Recurso Especial apresentado por João Almeida Mascarenhas Filho (DEM) contra a decisão do TRE-BA que havia cassado a sua diplomação em dezembro do ano passado.
Por 5 votos a 2, a Corte Superior acolheu as alegações dos advogados José Eduardo Alckmin e Bruno Adry, entendendo que o TRE havia laborado em equívoco ao indeferir o registro de candidatura pela vida pregressa e por um suposto trânsito em julgado. Ainda segundo o TSE, a posse de Mascarenhas Filho deverá se dar amanhã, em substituição ao candidato Solon Ribeiro (PV), que foi o segundo colocado. (Bahia Notícias/Plínio Adry)