Sapinho pulga encontrado em Camacan e Arataca, no sul da Bahia, é o menor anfíbio do mundo || Foto Renata Gaiga
Tempo de leitura: 2 minutos

Lívia Cabral

Todos sabem que a baleia azul é o maior animal do mundo, mas quando se trata dos menores, fica mais difícil perceber. Então é preciso recorrer aos especialistas. Embora existam formas microscópicas de vida, quando falamos de animais vertebrados terrestres, até recentemente, o menor do mundo era um sapinho da Papua-Nova Guiné, com adultos medindo apenas 7,7 mm.

Porém, em 2019, a bióloga Wendy Bolaños, então mestranda do Programa de Pós-graduação em Zoologia da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), estudou o sapinho pulga, Brachycephalus pulex, um diminuto anfíbio encontrado apenas em topos de morro na Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Serra Bonita, em Camacan, e no Parque Nacional Serra das Lontras, em Arataca, ambos no sul da Bahia. Ela mediu e determinou o sexo de 46 exemplares e constatou que o menor macho adulto media apenas 6,45 mm.

Isso o torna o menor anfíbio do mundo!

No entanto, a sobrevivência dessa espécie não está garantida, como explica o professor Mirco Solé, da Uesc. “É positivo que esse diminuto sapinho ocorra em duas áreas de conservação, mas sua vulnerabilidade às mudanças climáticas é preocupante. Espécies de baixada podem escapar do aumento de temperatura deslocando-se para áreas de montanha, mas as que habitam os topos de morro não têm para onde ir”.

O professor Iuri Ribeiro Dias, que também participou da pesquisa, alerta que mais de 40% dos anfíbios do mundo já estão ameaçados. “Infelizmente, na última reavaliação do status de ameaça feita pela União Internacional para a Conservação da Natureza, o sapinho pulga foi classificado como em perigo de extinção. Está em nossas mãos garantir que ele não desapareça e que as futuras gerações de brasileiros ainda possam se orgulhar de ter o menor anfíbio do mundo vivendo na Bahia”, alerta.

As pesquisas tiveram apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e do Mohamed bin Zayed Species Conservation Fund. O artigo científico que revela o sapinho pulga como o menor anfíbio do mundo foi publicado na revista Zoologica Scripta, uma das mais conceituadas na área de zoologia e editada em nome da Academia Norueguesa de Ciências e Letras e da Real Academia Sueca de Ciências. Leia aqui o artigo na íntegra em https://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/zsc.12654]

Municípios do sul da Bahia receberão vacina contra a dengue
Tempo de leitura: 2 minutos

O Ministério da Saúde anunciou, nesta quinta-feira (25), a lista com 521 municípios brasileiros que receberão, nos próximos dias, doses de vacina contra a dengue. Do total de cidades contempladas, 115 ficam na Bahia, dentre as quais Itabuna, Ilhéus, Almadina, Aurelino Leal, Arataca, Barro Preto, Buerarema, Coaraci, Camacan, Mascote, Canavieiras, Dário Meira, Floresta Azul e Gongogi.

A lista de municípios do sul da Bahia que irão receber vacina contra a dengue para rede pública inclui ainda Jussari, São José da Vitória, Santa Cruz da Vitória, Ibirapitanga, Ibicaraí, Ibirataia, Itapitanga, Itaju do Colônia, Itapé, Itajuípe,Ipiaú, Itagibá, Itacaré, Santa Luzia, Una, Ubaitaba, Uruçuca e Pau Brasil. Acesse aqui todos os municípios baianos que receberão vacina.

De acordo com o Ministério da Educação, as regiões de saúde selecionadas atendem a três critérios: possuem pelo menos um município de grande porte, ou seja, com mais de 100 mil habitantes, com alta transmissão de dengue registrada em 2023 e 2024, e com maior predominância do sorotipo DENV-2.

São 16 estados e o Distrito Federal com municípios que preenchem os requisitos para o início da vacinação a partir de 2024. Serão vacinadas as crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos, faixa etária que concentra maior número de hospitalização por dengue – 16,4 mil de janeiro de 2019 a novembro de 2023, depois das pessoas idosas, grupo para o qual a vacina não foi autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O MS informou que a definição de um público-alvo e regiões prioritárias para a imunização foi necessária em razão da capacidade limitada de fornecimento de doses pelo laboratório fabricante da vacina. A primeira remessa com cerca de 757 mil doses chegou ao Brasil no último sábado (20). O lote faz parte de um total de 1,32 milhão de doses fornecidas pela farmacêutica. Outra remessa, com mais de 568 mil doses, está com entrega prevista para fevereiro.

Além dessas, o Ministério da Saúde adquiriu o quantitativo total disponível pelo fabricante para 2024: 5,2 milhões de doses. De acordo com a empresa, a previsão é que sejam entregues ao longo do ano, até dezembro. Para 2025, a pasta já contratou 9 milhões de doses.  Texto atualizado às 22h43min para correção.

Previsão de mais chuvas para Ilhéus e outros municípios do sul a Bahia
Tempo de leitura: 2 minutos

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) atualizou, nesta terça-feira (23), a previsão do tempo para os próximos dias e confirmou alerta vermelho para municípios do sul, baixo sul e extremo-sul da Bahia. Isso significa riscos de novos alagamentos, enchentes, deslizamento de terra, queda de árvores, o que deve causar a interdição de rodovias. Pode chover mais de 200 milímetros no acumulado dos próximos cinco dias.

No sul da Bahia, o alerta vermelho é para os municípios de Arataca, Aurelino Leal, Barro Preto, Buerarema, Camacan,  Itaju do Colônia, Canavieiras,  Gandu, Gongogi, Ibirapitanga, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itajuípe, Itapé, Itapitanga,  Jussari,  Mascote,  Santa Luzia, São José da Vitória, Ubaitaba, Ubatã, Una e Uruçuca.

No baixo sul da Bahia, o alerta de alto risco é para os municípios de Cairu, Igrapiúna, Maraú, Nilo Peçanha, Piraí do Norte, Presidente Tancredo Neves, Camamu, Taperoá, Teolândia, Valença e Wenceslau Guimarães. No extremo-sul, o alerta de risco máximo é para Eunápolis, Belmonte, Itapebi, Itabela, Porto Seguro, Prado e Santa Cruz Cabrália.

TEMPORAIS NAS ÚLTIMAS HORAS

De acordo com o INMET, em alguns municípios do sul da Bahia choveu mais de 200 milímetros nas últimas 24 horas. Em Ilhéus, por exemplo, choveu 220 litros de água por metro quadrado entre a noite de segunda e a manhã desta terça-feira.

Somente entre meia noite e 8 da manhã desta terça-feira choveu 162 milímetros, segundo informou a Defesa Civil de Ilhéus. O grande volume de chuvas causou transtornos com deslizamento de terra, inundações de residências e alagamento de estabelecimentos comerciais em bairros e centro da cidade.

Os temporais também causaram estragos em cidades como Coaraci, Itapitanga, Uruçuca, Itajuípe e Almadina. Um trecho da pista que liga os municípios de Coaraci à Itapitanga foi coberta pela água. A rodovia ficou interditada nas primeiras horas dessa terça-feira. A chuva causou alagamentos nos três municípios. Não houve registro de mortes.

Mayla e Guilherme voltavam de passeio em Canavieiras
Tempo de leitura: < 1 minuto

Duas pessoas morreram e três ficaram feridas após grave acidente, na manhã desta segunda-feira (22), na BA-270, em Santa Luzia, no sul do estado. As vítimas foram identificadas como Mayla Santos e Guilherme Miranda, mãe e filho. O carro onde viajavam bateu em outro veículo de passeio.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192) levou os três sobreviventes para o Hospital Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna. Conforme apuração do PIMENTA, Hênio Reis dirigia o carro onde Mayla e Guilherme seguiam, acompanhados também por kamile Miranda, prima de Mayla. Hênio e kamile, que formam um casal, seguem internados no hospital itabunense. Também ferido, o motorista do outro veículo ainda não foi identificado.

Hênio, Kamile, Mayla e Guilherme são de Arataca. Eles estavam em uma casa de veraneio em Canavieiras e, no momento do acidente, voltavam para a terra Natal. A tragédia deixou a população de Arataca consternada. Mayla e Guilherme eram filha e neto da professora Lia, muito conhecida na cidade.

O sepultamento será nesta terça-feira (23), em Arataca. O horário ainda não foi divulgado.

Ilhéus tem obra da educação paralisada || Foto José Nazal/Arquivo
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia está entre os estados brasileiros que possuem mais obras do Governo Federal inacabadas. São exatas 616 obras não concluídas em 279 municípios. Dentre elas estão: 229 prédios de educação infantil (creches e pré-escolas); 192 escolas de ensino fundamental; 3 de ensino profissionalizante, além de 176 novas quadras esportivas ou coberturas de quadras.

Há obras paralisadas da educação por governos anteriores em municípios como Arataca, Aurelino Leal, Buerarema, Barro Preto, Cairu, Camamu, Canavieiras, Dário Meira, Firmino Alves, Gandu, Gongogi, Ibirapitanga, Ibirataia, Iguaí, Ilhéus,Itacaré, Itagibá, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Itororó, Jussari, Maraú, Mascote, Pau Brasil, Una e Uruçuca.

Os prefeitos desses e outros municípios baianos têm até sexta-feira (22) para manifestar interesse em retomar obras paralisadas. A iniciativa faz parte do Pacto Nacional pela Retomada de Obras e de Serviços de Engenharia Destinados à Educação Básica e Profissionalizante do governo federal.

O Ministério da Educação (MEC) informou que investirá R$ 657,7 milhões na conclusão das obras, visando criar mais de 144 mil novas vagas na rede pública. A manifestação de interesse na retomada das obras deve ser feita pelo Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle do Ministério da Educação (Simec).

Fanoel e Fernando morreram em colisão na BR-101, próximo a Mascote || Reprodução G1
Tempo de leitura: < 1 minuto

Dois homens morreram após uma batida entre um carro e um caminhão, na noite de domingo (26), na BR-101, em trecho localizado no município de Mascote, no sul da Bahia. Segundo informações da Polícia Militar, as duas vítimas, identificadas como Fanoel Barreto Rios, de 65 anos, e Fernando Rios de Souza, de 44, estavam no carro.

A lateral do veículo ficou destruída. Ainda não se sabe o que causou o acidente, que aconteceu por volta das 18h30min, no Quilômetro 610, informa o G1-BA.

Depois de ir ao local do acidente para perícia, a equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itabuna também se envolveu em acidente com um carro, no entroncamento da cidade de Arataca, no km 566 da BR-101.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do carro que bateu na viatura do DPT foi preso por dirigir alcoolizado. Um dos peritos teve ferimentos leves.

Nota Premiada contempla moradores de cinco municípios do sul da Bahia
Tempo de leitura: < 1 minuto

Moradores de Itabuna, Ilhéus, Arataca, Ipiaú e Ibirataia estão entre os 91 sortudos de novembro da Nota Premiada Bahia. Cada um receberá R$ 10 mil. O prêmio principal, de R$ 100 mil, ficou para um morador do bairro do Imbuí, em Salvador. Dos 90 prêmios de R$ 10 mil, os moradores da capital conquistaram 53, enquanto os do interior ficaram com 37.

No sorteio desta quinta-feira (23), os municípios com maior número de ganhadores são Feira de Santana, com sete, e Lauro de Freitas, com quatro. Na sequência, com três ganhadores, estão Barreiras, Eunápolis, Jequié e Vitória da Conquista.

Já Camaçari contou com dois contemplados. Além dos municípios do sul da Bahia, fecham a lista, com um ganhador cada, Aracatu, Caetité, Dias D’ávila, Rio do Pires, Rui Barbosa, São Francisco do Conde e Valença. Acesse aqui a lista de ganhadores do mês de novembro.

A Nota Premiada conta atualmente com mais de 741 mil participantes inscritos. Desde fevereiro de 2018, os sorteios da campanha já premiaram 4.320 pessoas, das quais 2.645 moram na capital, 1.674 no interior e uma fora do estado.

Para participar da Nota Premiada Bahia, basta se cadastrar uma única vez, preenchendo o formulário disponível no site www.notapremiadabahia.ba.gov.br e, após essa etapa, pedir para inserir o CPF na nota fiscal a cada compra realizada em estabelecimentos comerciais.

Débora e Maiquele foram executadas a tiros || Fotos O Tempo e FRN
Tempo de leitura: < 1 minuto

O sul da Bahia registrou dois assassinatos de mulheres neste final de semana. No sábado (2), Débora Aparecida Paula, de 43 anos, foi morta a tiros enquanto celebrava o próprio aniversário no Bairro Itatingui, onde morava. Um homem ainda não identificado é apontado como autor do crime.

Segundo informações, Débora estava confraternizando com amigos em uma praça e foi assassinada logo após deixar o local, por volta das 19h, próximo ao Cemitério Municipal de Arataca. Ela foi atingida por três disparos no rosto e um no abdômen.

Acionada, a Polícia Militar fez buscas nas redondezas, mas não conseguiu localizar o homicida. Ninguém foi preso até o momento. Autoria e motivação do crime são investigadas pela Polícia Civil.

EXECUÇÃO EM ILHÉUS

A outra vítima da violência foi Maiquele Santos de Oliveira, de 22 anos, executada com disparos de arma de fogo, na última sexta-feira (1º), na Praia do Marciano, no Malhado, em Ilhéus.

Atingida por seis tiros, a jovem foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192) e levada para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas não resistiu aos ferimentos.

Maiquele já foi presa por furto em Ilhéus. Seu assassinato é investigado pela Polícia Civil.

As vítimas moravam em Arataca e São José da Vitória || Foto Reprodução redes sociais
Tempo de leitura: 2 minutos

Uma colisão envolvendo um ônibus da empresa Águia Branca e um Fiat Uno, placa JPK-220,  no início da manhã deste domingo (18), na BR-101, em Arataca, no sul da Bahia, matou seis pessoas que viajavam no carro de passeio.  Testemunhas informaram ao PIMENTA que o acidente ocorreu por volta das 5h da manhã, pouco tempo depois das vítimas terem saído de Pratas, distrito de Arataca.

Os mortos foram identificados como José Paulo de Jesus Silva, de 25 anos; Paulo Ricardo de Jesus Silva, 24 anos; e Mariene de Jesus Reis, 32 anos. Eles são irmãos e moravam em São José da Vitória. As outras vítimas já identificadas são Jonatas Pereira dos Santos, de 23 anos, e Pâmela dos Santos Silva, 15. A sexta pessoa morta ainda não teve o nome divulgado.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram vários jovens presos às ferragens do carro, que ficou completamente destruído. As vítimas foram retiradas por uma equipe do Corpo de Bombeiros. O Samu também foi acionado, mas quase nada pôde fazer porque quase todos os passageiros do veículo de passeio estavam mortos. A sobrevivente foi encaminhada para o Hospital de Base de Itabuna.

O carro de passeio ficou completamente destruído

Os copos dos passageiros do carro de passeio foram removidos pelo Departamento de Polícia Técnica de Itabuna. O ônibus foi parcialmente destruído, mas as primeiras informações é que seus ocupantes não ficaram feridos. Ainda não se sabe o que causou o acidente. O ônibus fazia a linha Linhares (ES)/Itabuna.

A Prefeitura de Arataca publicou nota lamentando as mortes e se solidarizando com as famílias das vítimas. Informou ainda o cancelamento dos festejos no distrito de Pratas. Os corpos devem ser velados neste domingo e sepultados nesta segunda-feira (19). Atualizado às 17h33min.

Jequié é um dos 52 municípios baianos em situação de emergência || Foto GOVBA
Tempo de leitura: 2 minutos

O Governo da Bahia publicou, nesta terça-feira (27), o Decreto nº 21.806/2022, que declara situação de emergência em 52 municípios afetados pelas fortes chuvas que atingem regiões baianas.

O documento abrange os municípios de Aiquara, Alcobaça, Aracatu, Arataca, Aurelino Leal, Barra da Estiva, Barra do Rocha, Belmonte, Boa Nova, Caetanos, Canavieiras, Contendas do Sincorá, Dário Meira, Guaratinga, Ibicaraí, Ibipeba, Ibirapitanga, Ibirapuã, Ilhéus, Ipiaú, Itabuna, Itacaré, Itagibá, Itaju do Colônia, Itamaraju, Itanhém, Itapebi, Itapetinga, Itaquara, Itarantim, Itororó, Ituaçu, Jequié, Jitaúna, Jucuruçu, Lafaiete Coutinho, Maiquinique, Manoel Vitorino, Maracás, Mascote, Milagres, Mirante, Pau Brasil, Piripá, Planalto, Poções, Prado, Santa Luzia, Tanhaçu, Ubaitaba, Ubatã e Vitória da Conquista.

COMITÊ DE CRISE

Também publicado nesta terça-feira (27), o Decreto Estadual nº 21.807/2022 formaliza a criação do Comitê de Crise – Operação Chuva, que define a atuação institucional dos órgãos integrantes no monitoramento e acompanhamento dos municípios atingidos pelas chuvas.

Família é socorrida de área isolada no interior da Bahia || Foto GOVBA

As atribuições do Comitê incluem elaboração de sistema de logística para atender às demandas regionais; identificação, em atuação com os municípios, dos insumos, medicamentos e itens necessários ao restabelecimento das áreas e comunidades afetadas; fornecimento de recursos tecnológicos e estruturais para o monitoramento e execução das ações adotadas pelo Comitê; esforços para promover a desobstrução do tráfego em rodovias destruídas pelas fortes chuvas; coordenação do processo de mobilização e participação social; e outras competências correlatas.

Fazem parte do Comitê de Crise a Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec), a Secretaria de Infraestrutura (Seinfra); a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS); a Secretaria da Segurança Pública (SSP); a Secretaria da Saúde (Sesab); a Polícia Militar da Bahia (PMBA); o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA); a Casa Militar do Governador, que coordena as ações; a Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb); a Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) e a Empresa Baiana de Águas e Saneamento S/A (Embasa).

Enchentes deixaram rastro de destruição em várias regiões da Bahia
Tempo de leitura: < 1 minuto

De acordo com dados atualizados pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), na tarde desta quarta-feira (21), 905 pessoas seguem desabrigadas, 14.114 desalojadas e 136.886 afetadas pelas chuvas no estado. Também foram registrados sete feridos e um óbito. O número total de atingidos chega a 151.913 pessoas.

Os números correspondem às ocorrências registradas em 81 municípios afetados pelas enchentes nas últimas semanas. Desse total, 62 municípios estão com decreto de Situação de Emergência (SE). Encontram-se nesta condição, no sul da Bahia, Arataca, Barro Preto, Buerarema, Canavieiras, Coaraci, Dário Meira, Firmino Alves, Ibicaraí, Ibicuí, Ilhéus, Ipiaú, Itabuna, Itajú do Colônia, Itajuípe, Itapé, Jussari, Pau Brasil, Santa Luzia e Ubaitaba.

Outros municípios no estado com situação de emergência são eles Aiquara, Alagoinhas, Alcobaça, Baixa Grande, Barra do Choça, Belo Campo, Brejões, Cachoeira, Caravelas, Cardeal da Silva, Cícero Dantas, Euclides da Cunha, Eunápolis, Fátima, Ibipeba, Iguaí, Inhambupe, Itambé, Itanhém, Itapebi, Itapicuru, Itaquara, Itarantim e Itororó.

A lista inclui ainda Jiquiriçá, Lafaiete Coutinho, Medeiros Neto, Mutuípe, Nova Itarana, Nova Soure, Nova Viçosa, Olindina, Porto Seguro, Prado, Ribeira do Pombal, Ribeirão do Largo, Santa Cruz Cabrália, Santa Cruz da Vitória, São Félix, Teodoro Sampaio, Vereda, Vitória da Conquista e Wenceslau Guimarães.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O programa Universidade Para Todos (UPT) seleciona professores/monitores, por meio do Edital n. 072/2022, da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). Os profissionais vão atuar em Arataca, Almadina, Camacan, Canavieiras, Ilhéus, Itabuna, Ibicaraí, Gandu, Itacaré, Itapitanga, Santa Luzia e Una.

Os documentos exigidos são a ficha de inscrição (disponível no anexo 2 do edital), comprovante de matrícula para alunos de graduação ou pós-graduação, histórico escolar com coeficiente de rendimento (CRAA), currículo Lattes, cópias do RG e do CPF, comprovante de residência e comprovante de vínculo profissional com rede pública de ensino (quando for o caso).

Os documentos listados acima deverão ser reunidos em um arquivo PDF, que deverá ser enviado para uptinscricoes@uesc.br. O período de inscrições correrá de 27 de junho a 1º de julho, exclusivamente via internet, com preenchimento do formulário deste link.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um acidente envolvendo dois caminhões na noite sábado (7), na BR-101, próximo ao trevo de Arataca, no sul da Bahia, matou dois motoristas. Um dos veículo seguia sentido Eunápolis, no extremo-sul do estado, para Itabuna e o outro fazia o trajeto contrário e estava carregado de cerveja. A colisão ocorreu por volta das 20h, e os dois trabalhadores morreram no local.

O motorista Fábio Batista Barbosa, de 41 anos, que dirigia o caminhão carregado de cerveja teve o corpo arremessado para fora do veículo. Barbosa dirigia um Volvo FH-500, de placa RDJ-2B48, de Feira de Santana. A outra vítima foi identificada como Dirceu da Silva, de 46 anos, que dirigia o caminhão de placa MQQ-4455, de Cariacica, no Espírito Santo.

Dirceu da Silva ficou preso às ferragens do caminhão baú. Os corpos dos dois motoristas foram levados para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna (DPT), onde aguardam a retirada por seus familiares. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda tenta descobrir o que causou o acidente.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Coube ao Instituto Nossa Ilhéus (INI) estabelecer o Índice de Transparência e Governança Pública (ITGP) dos 26 municípios do Território de Identidade Litoral Sul da Bahia. A organização não governamental é uma das nove instituições associadas ao projeto capitaneado pela Transparência Internacional – Brasil, responsável pela metodologia empregada na pesquisa.

O método de definição do índice leva em conta as agendas e a efetividade das políticas de transparência, integridade, governança pública e participação cidadã em diferentes níveis federativos e de poder do país.

Além de avaliar a existência de políticas públicas e legislações que efetivem a transparência, a participação cidadã e o combate à corrupção, o objetivo do projeto é incentivar melhorias e colaborar com cada uma das prefeituras avaliadas, visando o aprimoramento das ferramentas de controle social.

Os municípios do Litoral Sul são Almadina, Arataca, Aurelino Leal, Barro Preto, Buerarema, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Floresta Azul, Ibicaraí, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Jussari, Maraú, Mascote, Pau Brasil, Santa Luzia, São José da Vitória, Ubaitaba, Una e Uruçuca.

GUIA FAZ RECOMENDAÇÕES A GESTORES PÚBLICOS

Para colaborar no aprimoramento da gestão pública dos municípios brasileiros, a Transparência Internacional – Brasil também lançou, nesta quinta (5), o Guia de Recomendações de Transparência e Governança Pública para Prefeituras.

A publicação apresenta princípios, obrigações legais, recomendações e boas práticas que servem como orientações para o fortalecimento da integridade, transparência e participação cidadã nas administrações públicas de pequenos e médios municípios brasileiros. O Guia, que integra as ações do ITGP e apresenta critérios da avaliação, pode ser acessado neste link.

Ferlu diante de Otto e Rui se confunde e diz que é do PSDB com orgulho
Tempo de leitura: < 1 minuto

Fernando Mansur Gonzaga, Ferlu (PSD), é prefeito de Arataca, pequeno município no sul da Bahia. Hoje, Quarta-Feira de Cinzas, Ferlu recebe a visita do governador Rui Costa (PT), do senador Otto Alencar (PSD) e de vários deputados, dentre eles Rosemberg Pinto (PT) e Otto Filho.

Visivelmente nervoso – ou emocionado, Ferlu discursava diante das autoridades e do público e falava de como conheceu o virtual candidato a governador da base governista, Otto Alencar, que preside o PSD na Bahia

Diante do presidente estadual do seu partido, Ferlu derrapou:

– Me orgulho de ser PSDB…

Imediatamente, foi corrigido por uma animada eleitora:

– É PSD, 55…

Ferlu, olhando para Otto e Rui Costa, então completou:

– Me desculpe. Hoje sou filiado a esse partido (PSD) com muito orgulho.