Segundo Enilda, governo ilheense não demonstra interesse em superar deficiências do transporte
Tempo de leitura: < 1 minuto

A vereadora Enilda Mendonça (PT) apresentou requerimento, na sessão legislativa desta quarta-feira (16), solicitando que o secretário de Educação da Bahia, Jerônimo Rodrigues, interceda no debate sobre o transporte para estudantes do ensino médio da rede estadual, especialmente nos povoados e distritos de Ilhéus.

Segundo a parlamentar, o governo municipal não demonstra interesse em acabar com os transtornos provocados pelas deficiências do serviço de transporte público, cuja responsabilidade é da Prefeitura de Ilhéus.

“A gente já chamou, já pediu, já implorou, e não há uma solução. No meu entendimento, quem tem ‘na mão’ o poder de resolver o problema do transporte público é o chefe do executivo”, declarou, referindo-se ao prefeito Mário Alexandre, Marão (PSD).

SEGUNDO GOVERNO, EMPRESAS DE ÔNIBUS CUMPREM ACORDO HOMOLOGADO PELA JUSTIÇA

Ouvido pelo PIMENTA no último dia 8, o superintendente de Transporte, Trânsito e Mobilidade de Ilhéus, Valci Serpa, afirmou que as empresas Viametro e São Miguel, concessionárias do serviço de transporte municipal, cumprem os termos do acordo firmado com a Prefeitura e homologado pela 1ª Vara da Fazenda Pública de Ilhéus.

“Nós temos um contrato com 120 ônibus e rodam 100, o que equivale a 85%. Existe um acordo judicial que, até a pandemia, tem que rodar 85% e, depois da pandemia, 100% [da frota]”, explicou Serpa.

Com a retomada das aulas presenciais, conforme o superintendente, o sistema de transporte tem plano para atender aos estudantes de escolas públicas e privadas (relembre).

Nesta semana, a Prefeitura de Ilhéus divulgou nova tabela de horários dos ônibus, alegando que as mudanças foram promovidas para melhorar o serviço (veja aqui).

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.