Tempo de leitura: < 1 minuto
TEIA DE ARANHA: Livro de Geografia comprado pela Prefeitura de Maraú está desatualizado mais de 20 anos
TEIA DE ARANHA: Livro de Geografia comprado pela Prefeitura de Maraú está desatualizado mais de 20 anos

A Prefeitura de Maraú adquiriu recentemente algumas coleções de livros didáticos para servir de pesquisa aos estudantes.  O material custou cerca de R$ 15 mil aos cofres públicos, mas inclui exemplares que chamam atenção pelo alto grau de inutilidade.

Entre os livros, há um de geografia (não de história, reparem bem!) que, em sua página 291, trata a velha e extinta União das Repúblicas Socialistas Soviéticas como algo atualíssimo. Pois é com obras desse tipo, anteriores à Perestroika, que a Prefeitura de Maraú pretende deixar os estudantes da cidade cultos e bem informados.

Vale procurar saber quem é o dono do sebo que vendeu tais preciosidades ao município, pois é capaz de ter carne embaixo desse angu…

Tempo de leitura: < 1 minuto
ANDIRLEI: estilo paz e amor
ANDIRLEI: estilo paz e amor

Wagner utilizou a expressão “democrata irredutível” para definir-se politicamente, mas em Itabuna há alguém que, embora não declare, possui a mesma característica. Trata-se do advogado Andirlei Nascimento, pré-candidato à presidência da subseção local da OAB.

Figura simpática, amigo de todo mundo e com uma cara de quem – se não fosse advogado –  seria padre, Nascimento é do tipo que prefere uma boa conversa a uma ferrenha disputa. E provou isso nesta semana…

Na reunião do grupo que o apoia para suceder Oduvaldo Carvalho na OAB, Andirlei surpreendeu ao convidar até os adversários e ainda permitir que os mesmos fizessem o seu “comercial”. E era (ou deveria ser) um encontro interno.

Houve quem não aprovasse tamanha bondade, mas o nobre causídico não abre mão desse estilo paz e amor.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Calma, calma, Paulo Souto e tchurma do DEM. Não é nada disso que vocês podem pensar, à primeira vista. O palanque aí foi o oficial, de inauguração de obras em Morro do Chapéu, onde o governador Jaques Wagner esteve na tarde deste sábado.

No município da Chapada Diamantina, Wagner colocou à prova o seu discurso e postura republicanos (ou de “democrata irredutível”, para ser fiel à fala do petista e combinar com o momento).

Sabendo que o deputado estadual Carlos Gaban (DEM) estava na cidade, Wagner fez o convite. Um tanto quanto surpreso, Gaban aceitou e subiu no palanque.

O gesto seria impensável (ou inaceitável) nos tempos do carlismo. Mais impensável ainda porque Gaban está entre os maiores críticos do governo de Wagner na Assembleia Legislativa.

Tempo de leitura: < 1 minuto

A derrota para o Vila Nova, num jogo feio, em Goiás, deixou o Bahia beirando a zona do rebaixamento, em 15º lugar, na série B do campeonato brasileiro.

Essa foi a sexta derrota do tricolor na competição. O Bahia soma 20 pontos em 16 jogos. A luta da equipe baiana é conseguir fazer o maior número de pontos antes da virada do primeiro para o segundo turno, para encostar no grupo da frente e facilitar mais as coisas na parte final do certame.

O próximo compromisso do tricolor é contra a Ponte Preta, no estádio de Pituaçu, em Salvador, na terça-feira (11).

Tempo de leitura: < 1 minuto
O governador Jaques Wagner deve ter se surpreendido com os cumprimentos (efusivos) recebidos durante a sua visita a Morro do Chapéu, na Chapada Diamantina. De lideranças políticas a populares, todos parabenizavam, veja só!, pelo rompimento com o grupo do PMDB. 

O novo momento, na visão dos entusiastas, cria as condições para azeitar a máquina e permite ao governador ter como companhia apenas verdadeiros aliados.

E lá, em Morro do Chapéu, foi repetida a pergunta que não quer calar: Geddel Vieira Lima vai trair Lula como traiu Wagner?

Sinalizações não faltam. Uma delas é o empenho do prefeito de Salvador, João Henrique, liderado de Geddel, de se encontrar com o governador de São Paulo, José Serra, do PSDB, candidatíssimo a presidente da República em 2010. Serra tem agenda de trabalho com Wagner na semana que vem, mas JH deu um jeito de “sair na foto” com o tucano.

Como o PMDB também já anda jogando charme para os lados do DEM, Lula e Dilma que se cuidem.

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Bahia segue perdendo por 1×0 para o Vila Nova, no Serra Dourada, em Goiás. O gol foi no fim do primeiro tempo, justo quando o tricolor dominava as ações ofensivas, mas seguia perdendo gols.

Na volta para o segundo tempo, o comentarista Jorge Alan analisou os motivos do insucesso do Bahia. “O Bahia vinha melhor, teve muitas oportunidades de marcar, mas desperdiçou. Se aproveitasse as oportunidades, a história do jogo poderia ser outra”.

Ô, Jorge. Se o Bahia aproveitasse as oportunidades, com certeza, a história seria outra. Assim seria, também, se o Vila Nova fizesse todos que teve chance. O jogo é transmitido ao vivo pela Rede Bahia.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Depois do ‘rapa’ de ontem na avenida do Cinquentenário, seria natural os camelôs ‘darem um tempo’ até que a poeira baixasse para retornar a seus postos nas calçadas. Mas não demorou 24 horas para que os pontos ociosos, de quem foi retirado ontem, fossem ocupados por outros ambulantes.

O Pimenta conversou com um dos ‘sobreviventes’, um menor, que vendia suas mercadorias na porta do Bradesco. Perguntado se estava na Cinquentenário na hora da ação da prefeitura ontem, ele disse que sim, mas fora da área mais visada – entre o Bradesco e a praça Adami. “Estava lá embaixo. Foi sorte”.

Por se tratar de um menor, certamente não está na lista dos 65 cadastrados que serão mantidos na Cinquentenário, com suas barraquinhas padronizadas – de 1,5 metro – e fardamento uniformizado.

Mas uma barraca, ‘operada’ por uma desconfiada senhora, tomando grande parte da vidraça do Bradesco, chamou a atenção. Media mais de 3 metros e ostentava quase uma centena de óculos de sol. Um dia após o rapa.

Tempo de leitura: < 1 minuto
Amanhã, às 9h, a Bahia lança uma novidade para a principal categoria do automobilismo brasileiro, a Stock Car. Pela primeira vez na história, uma prova será realizada em circuito de rua. O treino classificatório de hoje atraiu uma grande multidão ao circuito montado no CAB (Foto Ivan Baldivieso).
Amanhã, às 11h, a Bahia lança uma novidade para a principal categoria do automobilismo brasileiro, a Stock Car. Pela primeira vez na história, uma prova desta modalidade será realizada em circuito de rua. O treino classificatório de hoje atraiu uma grande multidão ao circuito montado no CAB, em Salvador. O pilto Thiago Camilo obteve a pole com o tempo de 1min6s700 (Foto Ivan Baldivieso).

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ele está no quarto mandato como vereador de Ilhéus, foi figura central na cassação de Valderico Reis, em 2007, e acredita que a Terra de Gabriela paga um preço alto por ter mantido o prefeito Newton Lima no poder. Alisson Mendonça concedeu entrevista a este blog e conta detalhes da queda de Valderico e ascensão de Newton e garante que falta à gestão municipal vontade política, planejamento e projetos.

Ele ainda reforça que o prefeito ilheense é apaixonado politicamente pelo ministro peemedebista Geddel Vieira Lima, mas que o homem do ministério da Integração Nacional não colocou “um paralelepípedo” no município em mais de dois anos no cargo. Ainda afirma que Newton é ingrato, pois não reconhece o papel de Wagner tanto na garantia da normalidade em Ilhéus (no tenebroso episódio da cassação de Valderico, em agosto de 2007) quanto na liberação de recursos para a cidade.

Confira tudo na seção ENTREVISTA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Samuel Celestino | Bahia Notícias

O ministro Geddel Vieira Lima recusa a pecha que normalmente se rotula o PMDB, como partido nacional, chamando-o de fisiologista.”Não corcordo e seguramente os baianos também não, porque a legenda no Estado, ao se afastar da aliança com o PT, abre mão de inúmeros cargos. Reafirmo o que sempre disse: se o nosso partido na Bahia é capaz de uma atitude igual a esta, faltando mais de um ano e meio para as eleições, é porque não é uma legenda fisiologista. Pelo contrário, o partido tem uma proposta concreta e consistente para administrar a Bahia, e não se agarra a cargos. Está acima deles.”

Leia mais

Tempo de leitura: < 1 minuto

Irritados com as frequentes quedas de energia em Pimenteira, distrito de Ilhéus, os moradores – que já haviam encaminhado diversas solicitações à unidade local da Coelba – decidiram apelar a “forças superiores”.

Representantes da comunidade estiveram recentemente com a deputada estadual Ângela Sousa e contaram o drama. Segundo eles, as frequentes quedas de energia têm causado diversos problemas: da perda de produtos mantidos sob refrigeração até danos em eletrodomésticos.

Pois bem… Ângela Sousa levou o problema ao diretor-presidente da Coelba, Moisés Afonso Sales Filho, e ele se comprometeu a resolver a situação no distrito de Pimenteira.

Que não demore muito!

Tempo de leitura: < 1 minuto

Véspera do dia dos pais, trânsito caótico na avenida do Cinquentenário. A disputa entre pedestres e automóveis (carros, motos, bicicletas) é desigual e a situação só pode ser definida como infernal.

Mas isso não parece afetar a turma da secretaria de transporte e trânsito. Dos dois lados da rua, um batalhão de agentes de trânsito, bloquinhos na mão, se desdobra para conseguir multar o maior número possível de motoristas em situação irregular. Todo mundo já sabe o que são essas irregularidades: dirigir com apenas uma das mãos ao volante, falar ao celular enquanto dirige, parar em fila dupla…

Difícil, mesmo, é ver algum desses agentes usando o apito e a autoridade para ordenar a travessia de pedestres, mesmo nos pontos onde há faixas destinadas à segurança destes, ou organizar o fluxo de veículos. Só pensam, mesmo, ‘naquilo’

O comércio hoje funciona até as 18 horas, o que se constitui numa boa alternativa para quem não quer se estressar com o trânsito.