Inscrições para o ProUni se encerram nesta sexta-feira (5)
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os candidatos têm 1º a 4 de agosto para se inscrever no processo seletivo do Programa Universidade para Todos (Prouni), do segundo semestre de 2022. Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020 e/ou 2021 poderão utilizar suas notas para concorrerem a uma bolsa no Prouni.

Já as inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2022 será de 9 a 12 de agosto. Para o Fies, os candidatos que participaram do Enem, a partir da edição de 2010, poderão pleitear um financiamento estudantil.

Ainda sobre o Fies, a complementação das inscrições postergadas para o segundo semestre de 2022 ocorrerão entre os dias 27 a 29 de julho.

Para os dois processos seletivos, os candidatos deverão ter média mínima de 450 pontos e nota superior a zero na redação em alguma das edições do Enem, a partir de 2010.

Receita Federal libera mais um lote de imposto de renda
Tempo de leitura: 2 minutos

A Receita Federal liberou, nesta sexta-feira (22), para consulta o terceiro lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física 2022. Esse lote contempla também restituições residuais de exercícios anteriores.

O crédito bancário para 5.242.668 contribuintes feito no próximo dia 29, no valor de RS 6,3 bilhões. Desse total, R$ 285.789.146,12 são contribuintes que têm prioridade legal, sendo 9.461 idosos acima de 80 anos, 62.969 com idade entre 60 e 79 anos, 6.361 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 29.540 que têm como maior fonte de renda o magistério.

Foram contemplados ainda 5.134.337 contribuintes não prioritários que entregaram a declaração até o dia 3 de maio .

Para saber se a restituição está disponível, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet (www.gov.br/receitafederal), clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, em “Consultar a Restituição”.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que possibilita consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

PAGAMENTO DIRETO NA CONTA

O pagamento da restituição é realizado diretamente na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda, de forma direta ou por indicação de chave PIX. Se, por algum motivo, o crédito não for realizado (por exemplo, a conta informada foi desativada), os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil.

No caso de conta desativada, o cidadão poderá reagendar o crédito dos valores de forma simples e rápida pelo Portal BB, acessando o endereço: https://www.bb.com.br/irpf, ou ligando para a Central de Relacionamento BB por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

Caso o contribuinte não resgate o valor de sua restituição no prazo de um ano, deverá requerê-lo pelo Portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal, acessando o menu Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda e clicando em “Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”.

Mudança curricular foi aprovada pelo Conselho Superior da instituição
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os currículos das graduações da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) terão, obrigatoriamente, 10% da carga horária total reservadas a atividades de extensão. A medida valerá para os estudantes que ingressarem na instituição a partir de 2023.

Conforme o Regulamento de Inserção da Extensão, recém-aprovado pelo Conselho Superior da Uesc, os cursos deverão concluir a adaptação dos seus projetos pedagógicos até 18 de dezembro de 2022.

As atividades de extensão compreendem, segundo o regulamento, ações ligadas a programas, projetos, cursos, eventos e prestação de serviços. Essas iniciativas devem se desenvolver em processos interdisciplinares, políticos, educacionais, culturais, científicos e tecnológicos que promovam a interação da Uesc com diferentes setores da sociedade, especialmente com segmentos populacionais em condições vulneráveis.

Ainda de acordo com a resolução do Conselho Superior, a mudança curricular é amparada pela Constituição Federal e pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei n. 9.394/1996).

Augusto: maior reforma da José Bastos em 30 anos
Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito Augusto Castro (PSD) desforrou, nesta quinta-feira (21), a placa da requalificação da Praça José Bastos, no Centro de Itabuna. Parte das comemorações pelos 112 da emancipação do município, a entrega da obra foi marcada por apresentação do Coral das Crianças e Adolescentes da Fundação Marimbeta, que cantaram o Hino da Cidade.

Com o serviço, segundo o prefeito, o ambiente abrigará momentos de interação, lazer e de entretenimento, com conforto e segurança. “Isso também impacta de maneira significativa na qualidade de vida das pessoas. Para os visitantes que passam por Itabuna, fica demonstrado o cuidado que devemos ter pela cidade”, acrescentou.

Nova ornamentação da Praça José Bastos

Ainda de acordo com Augusto, há mais de 30 anos a Praça José Bastos não recebia intervenção como a atual. “Como todos podem ver, tudo foi executado com muito carinho e planejamento para que seja um lugar atrativo. E, assim, faremos em todas as praças do centro e bairros”, assegurou.

A solenidade também contou com a presença de vereadores, secretários, assessores e diretores municipais, prefeitos e lideranças políticas regionais, artistas grapiúnas e representantes da sociedade civil. A revitalização da Praça José Bastos integra o Projeto Praça Viva, executado pela Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo de Itabuna.

Indígena pataxó na Aldeia Pé do Monte || Foto Rede Casulo
Tempo de leitura: 2 minutos

Lideranças pataxós e tupinambás chamaram a atenção do Ministério Público Federal (MPF) para a série de ataques de grupos armados a aldeias indígenas do extremo-sul da Bahia. O procurador da República José Gladston e o defensor público federal Vladimir Correia visitaram, ao longo deste mês, comunidades atingidas por ações violentas.

O primeiro encontro foi na aldeia Pé do Monte, na Terra Indígena Barra Velha do Monte Pascoal, na região entre Prado e Porto Seguro. Depois, o procurador e o defensor tiveram reunião com a comunidade Patiburi, da Terra Indígena Tupinambá de Belmonte, às margens do rio Jequitinhonha, em Belmonte. Por fim, encontraram-se com os líderes pataxó da aldeia Novos Guerreiros, da Terra Indígena Ponta Grande, em Porto Seguro.

Os índios voltaram a defender a demarcação das terras que ocupam e cobraram urgência na adoção de medidas de segurança no extremo-sul do estado. De acordo com as lideranças, as aldeias sofrem com a atuação de grupos milicianos, que espalham terror na região. Os ataques costumam ser feitos por homens fortemente armados, em grupos numerosos, usando caminhonetes.

José Gladston disse que investiga os ataques e que tem se reunido com os órgãos de segurança estadual e federal. Explicou que já existem procedimentos em tramitação no MPF para apurar esses ilícitos, inclusive possíveis formação de milícia, ameaças e racismo. “As informações colhidas aqui serão importantes nestes procedimentos. A intenção do MPF é garantir a segurança das comunidades indígenas, compelindo as forças de segurança a atuarem para impedir novos casos de violência na Bahia”, assegurou.

Após os encontros nas terras indígenas, o procurador voltou a fazer reuniões com os comandos da Polícia Militar na região e expôs as principais demandas dos indígenas pataxós e tupinambás. Os militares, conforme o MPF, comprometeram-se a permanecer em constante diálogo com o Ministério Público e atentos às solicitações das comunidades.

Nota Premiada vai sortear R$ 1 milhão na próxima semana
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os contribuintes inscritos na Nota Premiada Bahia, programa de cidadania fiscal do Governo do Estado, já podem verificar os seus bilhetes para o sorteio da próxima quinta-feira (28). Para isso, basta fazer login no site www.notapremiadabahia.ba.gov.br, escolher a opção Minha Conta e Bilhetes.

Neste sorteio, serão considerados os bilhetes gerados a partir das notas fiscais associadas ao CPF do participante de compras feitas ao longo do mês de junho. Será distribuído um total de R$ 1 milhão: uma premiação de R$ 100 mil e 90 de R$ 10 mil. Os bilhetes vencedores serão definidos com base no sorteio da Loteria Federal.

COMO SE INSCREVER

Para participar da Nota Premiada, basta se cadastrar uma única vez, preenchendo o formulário disponível no site e, após essa etapa, pedir para inserir o CPF na nota fiscal a cada compra realizada em estabelecimentos comerciais da Bahia.

O participante, no ato do cadastro, escolhe até duas instituições filantrópicas que integram o programa Sua Nota é um Show de Solidariedade, uma da área social e outra da área de saúde, para doar as suas notas eletrônicas.

Medida segue orientação do Ministério da Saúde, segundo hospital
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna, iniciou o racionamento do uso de contraste iodato nos exames e demais procedimentos médicos que dependem do produto, que, a exemplo de outros insumos hospitalares, está em falta no mercado internacional.

A medida segue orientação do Ministério da Saúde e da Sociedade Brasileira de Radiologia. A mesma iniciativa foi anunciada pela Santa Casa de Misericórdia de Itabuna (veja aqui).

Com o racionamento, apenas os exames da demanda interna do Hospital de Base serão feitos, conforme a direção. Os meios de contraste são utilizados em radiografias, tomografias e ressonâncias magnéticas do setor de Bioimagens. A escassez do insumo, causada pela pandemia da Covid-19, prejudica a oferta de serviços médicos que dependem de diagnósticos por imagem.

No Hospital de Base, o consumo médio mensal é de 30 ressonâncias com contraste e 30 tomografias, considerando as demandas internas e externas, já que a unidade também faz exames por meio do serviço regulação.

A coordenadora da farmácia do hospital público, Dioney Guimarães, explica que grandes avanços nos diagnósticos de exames por imagem se deram a partir do uso dos contrastes radiológicos.

“Desde que descobertos, cresce o uso a cada ano, pois definem melhor a visualização entre os órgãos de tecidos moles, diferenciando características importantes e também das estruturas densas, como os ossos. A crise por falta de insumos farmacêuticos impacta diretamente em várias áreas do cuidado e manutenção da vida humana”, disse.

José Nazal: Censo de 2022 é oportunidade para correção de erro histórico
Tempo de leitura: 5 minutos

Será que já tivemos em Ilhéus 254.970 habitantes, como indica a estimativa de 1999? Será que temos 157.639 habitantes, como publicado em 2021?

José Nazal

A história do recenseamento no Brasil remonta a um século e meio atrás, com a realização da primeira contagem populacional em 1872, cujo nome recebido foi “Recenseamento da População do Império do Brasil”. Adoraria saber quantas “almas” e quantos “fogos” foram contados na então “Vila dos Ilhéos”, legenda que servia para exemplificar o número de habitantes e domicílios à época.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a criação desse Órgão inaugurou a modernização dos censos, passando a contagem a ter a periodicidade de dez anos, conforme informações contidas na história reportada em seu sítio oficial da rede web. Pessoalmente, reafirmo aqui minha admiração pelo trabalho realizado durante essas quase nove décadas, além de meu respeito e minha confiança, mesmo sabendo que, como humanos que compõem as instituições, todos podemos errar. De forma involuntária, errar é de nossa vulnerabilidade humana, mas erros também podem ocorrer de forma voluntária, envolvendo vários fatores, tanto de caráter individual como coletivo e institucional.

Por que falar em erro? Ora, no próximo dia 1º do mês de agosto deste ano de 2022, iniciaremos um novo Censo, com dois anos de adiamento, um causado pela pandemia da Covid-19 e outro pela ineficiência governamental no âmbito federal, que não garantiu os recursos necessários para a sua realização. Isso impactou diretamente as ações do IBGE, resultando ainda em procrastinação no planejamento de prefeituras e atraso na distribuição das transferências constitucionais da União aos Municípios de maneira correlata às suas abrangências populacionais, empobrecendo as administrações públicas nesse último âmbito.

Nos últimos três censos, nos anos 1991, 2000 e 2010, foram anotados no município de Ilhéus os respectivos números de habitantes: 223.750, 222.127 e 184.236. Tamanha redução faz crescer a expectativa e esperar a “Prova dos Nove”. No decênio subsequente à realização de cada Censo, por força de dispositivo legal, o IBGE publica todos os anos, no mês de agosto, a estimativa populacional de cada município. Assim, segundo consta nas informações fornecidas pelo Instituto, a tabela a seguir indica as estimativas oficiais do município de Ilhéus.

Estimativas dos últimos censos em Ilhéus

Analisando friamente os dados acima anotados e considerando a amplitude dos resultados dos censos e estimativas populacionais subsequentes, fica a pergunta: Quais são os reais, os verdadeiros? Qual censo foi mais fidedigno?

Será que já tivemos em Ilhéus 254.970 habitantes, como indica a estimativa de 1999? Será que temos 157.639 habitantes, como publicado em 2021? Na minha opinião (que a priori só vale para mim), Ilhéus nunca chegou a 254.970 habitantes, como afirma o IBGE em 1999, muito embora temos muito mais do que 157.639, como oficializado em 2021. Minha opinião se baseia no estudo comparativo entre os setores censitários dos Censos, aliada à leitura das imagens de nosso território hoje disponíveis, precisas e límpidas, disponíveis em diversas fontes.

Para que essas dúvidas pudessem ser dirimidas, especialmente no período do vertiginoso crescimento negativo ocorrido na década passada, o município de Ilhéus deveria ter contestado os números do IBGE, administrativa ou judicialmente, fato que nunca ocorreu por parte dos gestores que governaram de 1989 até hoje. A próxima estimativa deverá ser publicada no mês de agosto vindouro e, se Ilhéus estiver com população abaixo de 156.216 habitantes, mudaremos a faixa de índice do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para menor. Isso implicará menos repasses financeiros da União, podendo afetar significativamente a receita municipal vinda dessa fonte na administração pública de seus recursos.

Para realizar a contagem e, posteriormente disponibilizar os dados, o território brasileiro é dividido em setores censitários, que juntos formam bairros, distritos, municípios, estados e, na sua totalidade, o Estado brasileiro. Em Ilhéus, no Censo de 1991, tivemos 196 setores; em 2000, 237 setores; em 2010, 287 setores. Para este ano de 2022, temos 414 setores.

O crescimento do número de setores a cada década é resultado da divisão de setores grandes ou de onde há um crescimento de domicílios, ocorrendo com maior incidência na zona urbana da cidade. A maioria dos setores permanecem inalterados, principalmente os da zona rural.

Para ilustrar minha assertiva de que os números dos Censos de 1991 e 2000 contêm um número considerável de erros, apresentarei os dados do setor 291360610000009, que integra o distrito de Aritaguá, classificados nos censos como: “Situação 05 – Aglomerado rural isolado – povoado”. A leitura do número do setor corresponde a:

Dados de setor que integra o distrito de Aritaguá

Nos Censos de 1991 e 2000, os setores eram formados a partir do trabalho de campo realizado pelos técnicos do quadro do IBGE, com perímetro descrito de forma narrativa, identificados por limites naturais ou antrópicos, tornando mais difícil o controle e aferição dos dados anotados pelos recenseadores. E esses recenseadores eram remunerados por valor de remuneração base fixada no edital de convocação, acrescido da produtividade alcançada. A partir de 2010, os setores passaram a ter, além do descritivo do perímetro, informações geodésicas mais definidas; ademais, a coleta foi realizada por Dispositivo Móvel de Coleta (DMC), trazendo maior fidelidade das informações colhidas, com melhor eficácia e maior eficiência no controle e fiscalização.

Na tabela a seguir, apresento o caso que considero mais emblemático, dentre os enganos que foram encontrados no estudo comparativo dos censos.

Setor: 291360610000009

Ponto inicial e final: Cerca da “Fazenda Cajueiro” com “Oceano Atlântico”

Descrição do Setor: Cerca da “Fazenda Cajueiro” com “Oceano Atlântico” do ponto inicial segue pela orla até cerca da “Fazenda do Edmilson” segue por esta até cerca da “Fazenda de Chico Quirino” segue por esta até cerca da “Fazenda Cajueiro ” segue por esta até seu ponto inicial.

O mesmo setor em três edições do Censo

Na imagem abaixo está o local classificado como “Aglomerado rural isolado – povoado”, que fica localizado no lugar Ponta do Ramo, no distrito de Aritaguá.

Poligonal de área em Ponta do Ramo || Google Earth (22/07/2022)

Pela imagem e por visita ao local nos dias de hoje, pode ser constatado que não existe nenhum resquício dos 268 domicílios anotados a maior nos censos mais antigos. De forma análoga, outros enganos foram encontrados em outros setores rurais do município.

Ao final da coleta que se iniciará no primeiro dia de agosto vindouro, quando forem divulgados os dados preliminares e posteriormente os definitivos, teremos a “prova dos nove”. Saberemos, então, qual a real população de Ilhéus, de seus distritos e bairros, suas vilas e seus povoados, hoje todos ajustados em lei e em consonância com a base censitária.

Reafirmo minha crença no IBGE e justifico a exposição da minha opinião face à intenção de esclarecer a disparidade dos números, não havendo aqui a intenção de buscar culpa ou responsabilidade, apenas de constatar que houve erro ou engano, inclusive já prescritos pelo tempo.

Finalizo este artigo exortando o governo municipal, na pessoa do prefeito Mário Alexandre e do vice-prefeito Bebeto Galvão, para que todo apoio possa ser dado ao IBGE e seus recenseadores, visando uma coleta que cubra todo o nosso território de maneira fidedigna, pelo bem de Ilhéus e seu povo.

José Nazal é fotógrafo, memorialista e ex-vice-prefeito de Ilhéus (2017-2020); publicou Minha Ilhéus pela Via Litterarum.

Wenceslau, com o microfone, durante plenária do PCdoB em Itabuna
Tempo de leitura: 2 minutos

A vereadora Wilma Oliveira (PCdoB), os ex-vereadores Aldenes Meira (PV) e Jairo Araújo, e o produtor cultural Lula Palmeira manifestaram, junto com outras lideranças políticas e sociais, apoio à pré-candidatura de Wenceslau Júnior (PCdoB) a deputado federal, durante plenária em Itabuna, nesta terça-feira (20).

Única mulher da atual Legislatura itabunense, Wilma declarou que o correligionário é um aliado da luta das mulheres por representatividade política e emancipação socioeconômica. “Wenceslau é um homem que sempre ressaltou o valor de todas nós na sociedade e, por isso, me sentirei muito bem representada por ele”.

Jairo assegurou que, se eleito, Wenceslau atuará em contraponto ao bloco partidário que, hoje, dá sustentação ao presidente Jair Bolsonaro (PL) na Câmara dos Deputados. “Não podemos ficar nas mãos dos deputados do centrão, que só conhecem a política do toma lá dá cá”, disse.

Já o produtor Lula Palmeira atribui ao pré-candidato vínculo histórico e afinidade com os movimentos sociais e culturais. “É um cara que conhece as nossas demandas, sempre nos valorizou e com certeza ajudará a tornar realidade o desenvolvimento da cultura no país, hoje abandonado pelo desgoverno federal”.

Ex-presidente da Câmara de Itabuna, Aldenes Meira relembrou que, ao chegar em Itabuna ainda jovem, foi acolhido na cidade por Wenceslau Júnior. “Militamos juntos e conheço de perto suas incansáveis lutas em defesa do povo. É uma pessoa séria, comprometida, em quem confio para nos representar e ouso dizer que, não é ele que precisa da gente para seu projeto ter sucesso. Somos nós, o povo de Itabuna, da região e da Bahia, que precisamos dele nos representando no Congresso”.

Wenceslau agradeceu as manifestações de confiança na sua pré-candidatura e falou sobre o cenário que se anuncia para as eleições deste ano, reafirmando apoio irrestrito ao pré-candidato a governador da Bahia pelo PT, Jerônimo Rodrigues, e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula Lula da Silva, que tentará o terceiro mandato.

– O desafio de defender a democracia nunca foi tão atual e intenso como hoje. Estarei no time de Lula e Jerônimo para mudar o Brasil e manter a Bahia no rumo certo assegurando às prerrogativas do povo, com indispensável diálogo entre os Poderes – concluiu Wenceslau.

Titular da Setur-Ba, Maurício participa da reativação da estrada temática
Tempo de leitura: < 1 minuto

O secretário de Turismo da Bahia, Maurício Bacelar, avalia que a requalificação da Estrada do Chocolate, reativa nesta quinta-feira (21), é um trunfo para o turismo na Costa do Cacau. Além dos serviços na recuperação da pista, o trecho de 45 quilômetros da rodovia Ilhéus-Uruçuca (BA-262) ganhou nova sinalização turística, integrada ao roteiro de visitação a fazendas de cacau e fábricas de chocolate.

“As intervenções estruturantes do Governo do Estado, na Costa do Cacau e outras regiões, têm contribuído para o crescimento do turismo da Bahia, que já alcança índices superiores ao período pré-pandemia, o único estado do Nordeste a conseguir essa marca. Nossos indicadores apontam que continuamos na rota do crescimento”, declarou Maurício.

Marco da Estrada do Chocolate, em Ilhéus || Foto Daniel Meira/Setur

O secretário e representantes do trade visitaram a centenária fazenda Capela Velha, onde os turistas podem conhecer a história do cacau e todo o processo da lavoura do fruto, desde o plantio à secagem das amêndoas, usadas na produção do chocolate, que sai da fábrica instalada na própria fazenda.

VIVA TURISMO BAHIA

Nesta sexta-feira (22), em Itacaré, a Secretaria Estadual de Turismo (Setur-BA) promove ações do plano Viva Turismo Bahia, que atua nas áreas de segurança sanitária, infraestrutura, capacitação, qualificação e divulgação dos destinos. Para contemplar os municípios turísticos da Costa do Cacau, a pasta firmou parcerias com o Sebrae, Banco do Nordeste, Desenbahia e UFBA.

Tempo de leitura: < 1 minuto

Para celebrar o Dia do Amigo, que aconteceu nesta semana, o Shopping Jequitibá promove, neste domingo (24), a ação Adote um Aumigo Pet, em parceria com a ONG Bicharada. A campanha vai das 9h às 11h30min, no estacionamento da entrada principal do shopping, e terá uma Feira de Adoção de Animais, com cães e gatos que necessitam de um lar e de tutores que os tratem com o carinho destinado aos animais.

Além da feira da Feira de Adoção de Animais, haverá atividades recreativas para pessoas de todas as idades, como apresentação dos palhaços Pirulito e Paçoca, cama elástica , guerra de cotonetes, distribuição de pipoca e algodão doce com a equipe Travessura Festas, Juka Kids com os personagens Chase e Sky, da Patrulha Canina, e contação de histórias e distribuição de desenhos com a equipe do Kumon.

O evento Adote um Aumigo Pet é gratuito para toda a família.

Problemas acabam gerando "líquido" semelhante ao bom e velho capuccino || Imagem AMHFK
Tempo de leitura: 2 minutos

Proprietários de Argo, Cronos, Toro, Renegade e Compass fabricados entre 2016 e 2018 e equipados com câmbio automático AISIN AT6 TF-72sc (automático de 6 marchas) têm tido dores de cabeça, pois há um defeito crônico nos seus trocadores de calor, também conhecidos como resfriadores de óleo.

A Fiat e Jeep, do grupo Stellantis, se negam a reconhecer como itens a serem corrigidos por meio de recall. E essa conta está ficando no colo de quem os adquiriu.

Se você possui um desses carros citados, ligue o botão de alerta. Tenha o hábito de olhar o reservatório do radiador, pelo menos, uma vez por semana. Observe que o líquido refrigerante deve estar no seu nível correto indicado na própria peça – entre o mínimo e máximo. E tem que estar limpo e com a coloração perfeita do aditivo como saiu de fábrica.

Para quem curte tomar aquele cappuccino, é bom começar a torcer para que o seu carro não se torne uma “maquininha de café”. E não apareça a coloração que lhe traga a exata lembrança dessa bebida nem no seu reservatório de arrefecimento nem na vareta do óleo do motor, bem como na parte inferior da tampa do óleo.

Essa aparência de cappuccino se dá pelo fato do resfriador de calor apresentar alguma ruptura interna, e ocasionar a mistura óleo/água. E isso pode acontecer tanto no resfriador do óleo de câmbio como no resfriador do óleo motor.

Relatos de proprietários que passaram por esse sofrimento é de que, ao final, a conta pode variar de R$ 8 mil a R$ 40 mil, pois depende das peças que foram contaminadas, onde o serviço é feito, das peças que foram trocadas e das que foram reaproveitadas. Ou seja, esse “cappuccino” não será doce nem amargo. Ele será bem salgado!

Ícaro Mota é consultor automotivo e diretor da I´CAR. A coluna é publicada às sextas-feiras.

Clique e confira mais no Instagram.

Confira vagas de emprego e de estágio para hoje
Tempo de leitura: 5 minutos

Com intermediação do SineBahia, a penúltima sexta-feira de julho reserva mais de 190 vagas de emprego e de estágio no sul e baixo-sul do Estado. Hoje (22), o serviço estadual de emprego e qualificação inicia seleção de profissionais em Itabuna (154 vagas), Ilhéus (38) e Valença (2).

Os candidatos devem se dirigir a uma das unidades do SineBahia até as 15h30min de hoje, munidos de carteiras de Trabalho e de Identidade, CPF e comprovantes de endereço, escolaridade e vacinação. Clique em Leia Mais, a seguir, e confira todas as vagas disponíveis.

Leia Mais