Ilhéus tem 128 mil eleitores aptos a votar || Foto José Nazal
Tempo de leitura: 2 minutos

Ilhéus tem 69.928 (54%) moradoras aptas a votar nas eleições de outubro deste ano. Os homens são 58.492 (46%) os que podem comparecer às urnas, conforme informações do Superior Tribunal Eleitoral (TSE). O município contabiliza o total de 128.420 pessoas habilitadas para escolher os seus representantes. Desse total, 38 escolheram o nome social.

Ilhéus tem 591 eleitores na faixa dos 16 anos, 1.033 com 17 anos, 1.881 com 19 anos e 2.019 com 20 anos. Na faixa entre 21 e 29 anos, são 22.797 pessoas aptas a votar. Na faixa de 30 a 39 anos, são 25.447 ilheenses que podem escolher um deputado estadual, um federal, um senador, governador e presidente da República. Do total de eleitores, 119.615 (93,14%) estão cadastrados no sistema de biometria e outros 8.805 (6,86%) não possuem.

Na faixa dos 40 a 49 são 26.015 eleitores regularizados. Na faixa de pessoas com idade entre 50 e 59 anos de idade existem 21.008 votantes. Esse número cai para 16.221 entre aqueles na casa de 60 a 69 anos. Na faixa dos 70 a 79 são 7.509 moradores do município aptos a votar neste ano. Os com idade entre 80 e 89 anos são 2.071. Os com idade entre 90 e 94 são 191. Ilhéus não tem nenhum eleitor com mais de 95 anos, segundo dados do TSE.

MAIORES COLÉGIOS ELEITORAIS NA BAHIA

Do total de eleitores do município do sul da Bahia, 4.538 são analfabetos, 27.907 não concluíram o ensino fundamental, 6.069 terminaram o fundamental, 8.509 sabem apenas ler e escrever, 20.280 possuem o ensino médio incompleto e outros 37.797 concluíram. Os ilheenses com curso superior incompleto são 8.743 eleitores e outros 14.577 concluíram a graduação. 87.301 eleitores do município do sul do estado são solteiros.

Os maiores colégios eleitorais na Bahia são Salvador (1.983.198), Feira de Santana (424.521), Vitória da Conquista (250.908), Camaçari (191.507), Lauro de Freitas (156.597), Itabuna (156.529), Juazeiro (156.048), Ilhéus (128.420), Jequié (114.760), Teixeira de Freitas (112.190), Alagoinhas (111.809), Porto Seguro (104.184) e Barreiras (103.075). A Bahia conta com 11.291.528 eleitores aptos a votar.

Itabuna tem mais de 400 eleitores com 100 anos ou mais || Foto Pedro Augusto
Tempo de leitura: 2 minutos

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Itabuna tem 156.529 pessoas aptas a votar em outubro deste ano. Desse total, são 124.834 (79,75%) com cadastro biométrico e outros 31.695 (20,25%) sem. Os dados levantados pelo PIMENTA mostram que o município do sul do estado possui 85.414 eleitoras e outros 71.069 eleitores que podem escolher um senador, um deputado federal e um estadual, governador e presidente da República.

Itabuna tem 413 eleitores com 100 anos ou mais. Desse total,  215 são homens. Na faixa etária dos 95 a 99, são 801 pessoas aptas a votar. Com um pouco menos idade, na faixa de 90 a 94, são 1.345 eleitores. Com idade entre 80 a 89 são 5.382 pessoas que podem escolher ou votar ou não nas eleições deste ano. O voto não é obrigatório para os maiores de 70 anos, menores de 18 e analfabetos.

Na faixa entre 70 e 79 são 10.842 eleitores. Numa casa abaixo na tabela idade, entre aqueles com 60 e 69, estão 19.109.  Na faixa etária entre 50 e 59 anos são 24.345 votantes. Esse número sobe para 30.707 pessoas com idade entre 40 e 49 anos que podem escolher os seus representantes nas eleições deste ano. Ainda entre os  aptos a votar estão 30.623 itabunenses com idade entre 30 e 39 anos.

Na faixa etária entre 21 e 29 anos existem 24.959 pessoas aptas a votar neste ano em Itabuna. Há ainda 2.247 eleitores com 20 anos, 2.030 com 19 anos, 1.832 com 18 anos, 1.195 com 17 anos e apenas 683 com 16 anos. São 403 mulheres e 280 homens. Os menores de 18 anos não são obrigados a votar.

Os dados do TSE mostram ainda que dos 156.529 eleitores de Itabuna,  7.814 são analfabetos, 27.494 têm ensino fundamental incompleto, 10.913 possuem o ensino médio completo, 23.533 estão com ensino médio incompleto e 44.826 com ensino médio completo. Os com ensino superior incompleto são 8.350 eleitores. Quem possui graduação são 17.108 pessoas eleitores. Os demais leem e escrevem ou não informaram a escolaridade.

Itabuna e Jequié empatam na primeira partida da semifinal da Série B do Baiano
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Iabuna esteve muito perto de deixar o Estádio Pedro Caetano, em Ipiaú, com a vantagem no jogo de ida pela semifinal da Série B do Campeonato Baiano. Jogando no final de semana contra o Jequié, o Dragão do sul da Bahia abriu o placar, com o meio campista Jussimar, de pênalti, logo no início do primeiro tempo, aos 11 minutos, mas não soube aproveitar e levou o empate antes do intervalo. O gol do time do sudoeste do estado foi marcado pelo atacante Kel Baiano, aos 34min. Assista ao jogo abaixo, com transmissão da TVE-BA.

Itabuna e Jequié voltam a se enfrentar no próximo domingo, no Estádio Waldomiro Borges, às 15h. Quem vencer garante vaga na final da Série B do Campeonato Baiano e na elite do futebol baiano em 2023. Na outra semifinal, o no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro, o time da casa bateu o Jacobinense por 2 a 1.

Na partida de volta, no Estádio José Rocha, às 15h do sábado (23), o Juazeiro joga pelo empate para ficar com a vaga para a grande final na Série B. O Jacobinense precisa vencer a partida por uma diferença de dois gols para garantir a vaga direta na final.  Caso o time de Jacobina vença a partida pela diferença de um gol, a disputa irá para os pênaltis.

 

 

OS RMs, de Ilhéus, são recebidos na Confraria d´O Berimbau, em Canes
Tempo de leitura: 3 minutos

Numa análise aprofundada, o retorno das duas instituições líteras, etílicas e mundanas foi por demais proveitoso, com a aprovação da filiação do debutante Miron à Confraria d’O Berimbau, enquanto aguarda a decisão do Clube dos Rolas Murchas. A próxima assembleia promete assanhar os velhinhos.

Walmir Rosário

Finalmente! Agora, sim, comecei a levar fé que o mundo está voltando a ser o mundo de antes, modificado que foi nestes tempos em que a tal da Covid-19 esfacelou tudo de bom que existia neste Brasil de meu Deus e por aí afora. Uma simples convocação feita pelo whatsapp foi prontamente atendida por boa parte dos membros da Confraria d’O Berimbau e do Clube dos Rolas Cansadas.

É certo que não se tratava de uma simples reunião, mas da comemoração do confrade Antônio Alves (que também atende como Tonhão ou Tonhe Elefoa), o que envolve um substancial prato da mais forte culinária. E desta vez foi servido um lauto mocofato, prato de sustança para os que se reúnem para tratar de coisas bastantes sérias numa mesa de bar, sem horário para o fim do encontro.

Como sempre alguns recalcitrantes teimaram em não aparecer, dando como escusas compromissos assumidos anteriormente, hoje em dia uma desculpa indelicada e não levada a sério. Entre os faltosos, o Almirante Nélson, que amarelou, seguido por Valdemar Broxinha, que agora somente comparece aos encontros caso tenha sido anunciado pelo comunicador Mário Tito pelas ondas da Rádio Sociedade da Bahia e mais uns três.

O aniversário – com os tradicionais parabéns pra você –, na verdade, era apenas um pretexto motivador para a presença dos confrades. Dois temas da maior relevância constavam da pauta: o retorno das reuniões semanais às quintas-feiras (Clube dos Rolas Cansadas), de forma itinerante, e aos sábados, no bar Mac Vita, ambiente aberto e ventilado, longe dos perigos dos vírus que circulam por aí.

Mas nem tudo seguiu conforme o planejado, haja vista o comportamento desajustado dos velhinhos após a ingestão de alguns copos de cerveja, tratando de alguns temas extrapauta. A começar pela data do aniversário, que seria no dia 4 de julho, transferido para o dia 5 por Tonhão, por conta da coincidência da independência americana, ficando longe do capitalismo do Tio Sam.

Já a segunda discussão animou os confrades, pelo pagamento de uma dívida. Calma, eu explico. É que no dia 24 de março de 2018, o conceituado Grupo RM, como se intitula (embora maldosos digam que representa Rolas Murchas) veio a Canavieiras exclusivamente para se encontrar com as coirmãs e estabelecer laços de amizade e troca de informações institucionais.

Em Canavieiras, a representação de alto nível, capitaneada pelo presidente Cal e os membros Zé Leite, o saudoso Gileno Alves, Coronel Jamil e Zé Nílton, isso em veículo próprio conduzidos pelo motorista abstêmio Paulo Taquari. Por aqui fizeram uma tournée pelo centro histórico, praia, Igreja de São Boaventura, Bar Laranjeiras, finalizando na Confraria d’O Berimbau.

Recebidos pelos confrades das duas instituições líteras, etílicas e mundanas, trocaram juras de amizade e juraram solenemente manter contatos recíprocos entre as duas sedes: Ilhéus e Canavieiras. Na sede d’O Berimbau a conversa rolou solta até quase o fim da tarde e sessão de fotos, devidamente acompanhadas das melhores cachaças, cerveja bem gelada e comida de sustança.

Como disse que existe a dívida, conto também os motivos que até hoje o motivo da inadimplência, o que tem deixado alguns confrades avexados. E todas as culpas recaem no planejamento (ou falta dele) da viagem a Ilhéus, por conta de Tyrone Perrucho e Demostinho. Os 110 quilômetros que separam as duas cidades não recomendam viagem dirigindo os próprios carros, por questões de absoluta segurança.

A solução foi contratar uma van ou micro-ônibus para a viagem. Aí foi que apareceram os insolúveis problemas: As vans de sete lugares não comportavam os poucos confrades, já os micro-ônibus eram grande demais para fazer a viagem com tão poucos passageiros. Até nos dispusemos a avaliar a proposta do confrade Tedesco, de que nos deslocássemos a Ilhéus de num barco de pesca, ideia abortada pelos frágeis estômagos dos confrades.

Sem encontrar solução, não conseguimos aportar na Barrakitika, sede dos encontros de sábado do Grupo RM. Para que não seja considerada incompetência, já recorremos ao adjutório do Secretário Plenipotenciário d’O Berimbau, Gilbertão, que virá de Santa Cruz Cabrália para definir o compromisso de tal monta. A viagem urge e pelo emocional dos confrades, desse ano não passa.

Numa análise aprofundada, o retorno das duas instituições líteras, etílicas e mundanas foi por demais proveitoso, com a aprovação da filiação do debutante Miron à Confraria d’O Berimbau, enquanto aguarda a decisão do Clube dos Rolas Murchas. A próxima assembleia promete assanhar os velhinhos.

Walmir Rosário é radialista, jornalista e advogado.

José Henrique Abobreira e Davidson Brito em reunião em Ilhéus
Tempo de leitura: < 1 minuto

Ex-vice-prefeito de Ilhéus e servidor aposentado da Secretaria da Fazenda Estadual, José Henrique Abobreira anunciou apoio à pré-candidatura do itabunense Davidson Brito (PSOL) à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), neste domingo (17), após reunião em Ilhéus.

Representante do Coletivo Reivindique, Abobreira afirmou que a aliança com o pré-candidato passou por compromisso de empenho de eventual mandado parlamentar em defesa da organização política de populações negras, indígenas e pobres do sul da Bahia.

Outro termo do acordo é a apresentação, às instâncias deliberativas do PSOL na Bahia, do pleito para a formação de candidaturas coletivas para as eleições proporcionais deste ano.

O PSOL-Itabuna confirmou a pré-candidatura de Davidson Brito em maio. Na oportunidade, ele declarou que o momento é de reconstrução da sociedade brasileira. “É a hora de resgatar a esperança da nossa gente, com trabalho e muita solidariedade. Tenho certeza que conseguiremos construir um futuro de grandes novidades”, disse (relembre).

Programa vai capacitar empresas para comércio internacional
Tempo de leitura: < 1 minuto

A cidade de Ilhéus, no sul da Bahia, foi escolhida para o lançamento do Programa de Qualificação para Exportação (Peiex), iniciativa da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). A solenidade será nesta sexta-feira (22), a partir das 8h30min, no auditório do Centro de Convenções, na Avenida Soares Lopes.

O Programa será executado numa parceria da ApexBrasil com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL Bahia) pelos próximos 24 meses. O atendimento será ofertado por um Núcleo do Peiex em Ilhéus e um polo em Vitória da Conquista, sediados nas unidades do IEL Bahia nas duas cidades.

O objetivo é qualificar 100 empresas das regiões sul, sudoeste, extremo-sul e baixo-sul da Bahia, de forma gratuita e individualizada, para que passem a comercializar seus produtos em outros países. A prioridade é atender empresas dos setores de alimentos e bebidas, tecnologia, moda, cosméticos e móveis, não descartando a incorporação de outros setores estratégicos.

A última edição do Peiex na região foi concluída em 2018. Nesse novo ciclo, o atendimento será realizado de forma remota, permitindo a participação de empresas localizadas em municípios mais distantes do Núcleo do Peiex em Ilhéus ou do Polo de Vitória da Conquista.

Cooperativa chegou a anunciar desligamento do Planserv, antes de acordo
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Cooperativa de Cirurgiões Cardiovasculares ou Torácicos do Estado da Bahia (Cardiotórax) e a Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Estado da Bahia (Planserv) chegaram a acordo sobre os valores dos serviços disponibilizados aos usuários do plano. A partir de agosto, os honorários médicos serão reajustados em 47,5%.

Na assembleia do último dia 11, os médicos também aceitaram que a incorporação dos novos pacotes de serviços da Cooperativa ao Planserv, outra demanda da categoria, seja efetivada até o fim de novembro de 2022.

Após o acordo, os 72 cirurgiões representados pela Cooperativa desistiram do desligamento do Planserv, posição anunciada no início do mês passado (relembre), quando a categoria reivindicava a reposição das perdas inflacionárias dos últimos dez anos.

Em carta, Guinho formaliza rompimento com Augusto
Tempo de leitura: 6 minutos

O vice-prefeito Enderson dos Santos, Guinho, formalizou o seu rompimento político com o prefeito Augusto Castro (PSD), nesta segunda-feira (18), em carta aberta à população de Itabuna (íntegra abaixo do texto).

Ao longo de 23 parágrafos, Guinho recupera desde o início da sua vida pública, na Câmara de Vereadores, passando pela eleição de 2020, até os eventos que, segundo ele, motivaram a ruptura formalizada hoje.

Pré-candidato a deputado federal pelo União Brasil, Guinho reclama de ter sido isolado dentro do governo, o que o afastou das principais decisões da gestão. Segundo ele, essa realidade destoou do período de campanha, quando os então candidatos eram apresentados como  dupla afinada.

– Porém, logo após a eleição, as coisas ficaram diferentes. Rapidamente, percebi uma profunda mudança de Augusto Castro (então Prefeito eleito) com relação à minha pessoa. A distância e a redução de espaço me mostravam que o “Augusto e Guinho” da campanha ia ficando de lado – escreveu.

Num pot-pourri de críticas ao governo e ao prefeito, Enderson Guinho reclamou dos gastos da Prefeitura com aluguéis; afirmou que a folha do município foi inchada para favorecer as articulações da hoje extinta pré-candidatura de Andrea Castro, primeira-dama e secretária municipal; atribuiu ao prefeito ausência e indisponibilidade no cotidiano da gestão; e revelou episódio em que sentiu destratado, por Augusto, diante de familiares e amigos.

O contexto do episódio, conforme o vice-prefeito, foi o da segunda maior cheia já registrada do Rio Cachoeira, em dezembro de 2021. Morador do Cidadelle, Augusto Castro ficou ilhado em casa durante o Natal, quando as águas do Cachoeira ainda cobriam o condomínio.

Na carta, Guinho afirma que, obedecendo comando constitucional, representou o Governo na ausência do prefeito. Para ele, a sua atitude incomodou Augusto. “Mexeu com alguém que se preocupava mais com o próprio ego do que com a situação causada pela citada catástrofe. De maneira ridícula, o Prefeito Augusto Castro preferiu dirigir suas energias ao sentido de me destratar diante da comunidade e de parentes e amigos que se prontificaram, junto comigo, a levar auxílio aos desabrigados”, disparou.

Clique em leia mais para conferir a íntegra.

Leia Mais

Treinamento teve apoio da Secretaria Municipal de Saúde
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IF) Baiano, em Uruçuca, foi palco de treinamento das equipes de Uruçuca e de Valença do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192), na última sexta-feira (15).

Previsto na programação anual das equipes, o treinamento focou na atualização dos protocolos de atendimento de urgência e emergência, com abordagens teórica e prática. Nos estudos de casos, os profissionais de saúde também exercitaram a prestação de socorro em simulações de grave risco à saúde dos pacientes.

O treinamento teve apoio da Prefeitura de Uruçuca, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, e do IF Baiano-Uruçuca.

Vacinação disponível para pessoas com 12 anos ou mais
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria de Saúde de Ilhéus voltou a recorrer ao esquema de drive-thru para incentivar e facilitar a vacinação contra a Covid-19. O atendimento será nestas terça (19) e quarta-feira (20), das 8h às 12h, em frente ao Centro de Convenções, na Avenida Soares Lopes.

Poderão receber a vacina todos os cidadãos com 12 anos ou mais, independentemente do número da dose, desde que atestada a conformidade da aplicação com o Programa Nacional de Imunização. No ato, serão exigidos documento de identificação com foto, CPF e cartão de vacina.

De acordo com a Secretaria, para quem não tem cartão de vacina e deseja receber a primeira dose do imunizante, o documento será produzido na hora. Já para a aplicação da segunda, terceira ou quarta dose será indispensável a apresentação do cartão constando o histórico de imunização.

A pasta também informa que a terceira dose será aplicada em pessoas que já tomaram as duas doses há quatro meses, pelo menos. A quarta dose está disponível para o público com idade igual ou superior a 40 anos, imunossuprimidos e profissionais da saúde que receberam a terceira há quatro meses ou mais.

Convênio foi assinado em ato na Aldeia Igalha
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahiagás e a Biofábrica firmaram convênio que destinará 7 mil mudas de árvores nativas da Mata Atlântica para a Aldeia Igalha, do povo tupinambá de Olivença, em Ilhéus, sul da Bahia. A parceria foi selada na sexta-feira (15).

Enquanto a Bahiagás cobrirá os custos da iniciativa, como forma de compensação ambiental por sua atuação em Ilhéus, caberá à Biofábrica produzir as mudas, que serão de espécimes ricas em essências florestais e frutíferas.

Para Jackson Moreira, presidente da Biofábrica, a ação na aldeia é revestida de simbolismo especial. “A maior parte de nossos contratos é direcionada ao plantio ou replantio de áreas comerciais. Aqui, estamos participando de uma ação extremamente positiva para o meio ambiente. Parabenizamos a Bahiagás pela iniciativa e ao povo tupinambá, que vai ser beneficiado e vai se integrar diretamente a esse projeto tão importante”.

O convênio beneficiará 6,5 hectares, área habitada por 150 famílias. “Vai fortalecer ainda mais a nossa mãe natureza aqui na aldeia e nos ajudar a cuidar da nascente do rio Tororomba, que beneficia a todos nessa região”, comemora a cacique Nani Sussuarana.

A solenidade contou com a presença do vereador Cláudio Magalhães (PCdoB), primeiro tupinambá do Legislativo ilheense; do ancião José Raimundo; e de lideranças femininas dos tupinambá, a exemplo de Duciana, Juerana e Sueli Araponga.

Itabuna, Valença e Jequié têm oferta de mais de 200 vagas de emprego
Tempo de leitura: 4 minutos

Segunda-feira (18) com oferta de mais de 200 vagas de emprego com carteira assinada nos municípios de Itabuna, Jequié e Valença, via SineBahia. A unidade de Itabuna oferece 143 vagas, enquanto Jequié tem 49 oportunidades e Valença 3.

Os candidatos precisam comparecer ao SineBahia. O atendimento, que é presencial, vai até as 15h30min. Os documentos exigidos para cadastramento são carteiras de Trabalho e de Identidade, CPF e comprovantes de vacinação, endereço e escolaridade. Clique em Leia Mais e confira todas as vagas.

Leia Mais

Creche Ester Gomes é reinaugurada nesta terça-feira (19) || Foto Roberto Santos/PMI
Tempo de leitura: < 1 minuto

A reinauguração da Creche Ester Gomes, no bairro Lomanto Júnior, marca a abertura da programação oficial dos 112 anos de emancipação de Itabuna. A entrega das novas instalações será feita nesta terça-feira (19), às 10h, pelo prefeito Augusto Castro (PSD) e pelo secretário Municipal de Educação (Seduc), Júnior Brandão.

Segundo informa a Prefeitura, houve substituição de telhado, troca do forro, reforma dos banheiros, pintura na parte interna e externa e parquinho, dentre outras melhorias. As obras de reforma foram executadas pela equipe do Departamento de Infraestrutura da SEDUC, liderada pelos professores Eugênio Abreu e Francisco Carlos dos Santos.

A creche possui 64 alunos matriculados. As crianças permanecerão na creche até completarem três anos, onze meses e 30 dias. Diariamente, de segunda a sexta-feira, a unidade funciona das 7h30min às 16h30min, contando com uma equipe de 22 funcionários, sendo seis de apoio, quatro professores, uma diretora e monitores.

“As crianças chegam aqui nós fornecemos refeições como café da manhã, almoço, lanche da tarde e, depois de acordarem recebem a janta, que é uma sopinha ou uma comidinha mais forte. Quando os pais retornam, às 17h30min, já pegam as crianças alimentadas, de banho tomado e com as atividades pedagógicas realizadas”, afirma a diretora da Creche Ester Gomes, Clésia Silva Santos Costa. Segundo ela, foi a primeira reforma completa da unidade.

Brasil está abaixo da meta na vacinação contra sarampo || Foto Marcelo Camargo/ABr
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Brasil ainda está abaixo da meta de vacinação contra o sarampo. De acordo com o Ministério da Saúde, 47,08% das crianças receberam o imunizante em 2022, sendo que a meta de cobertura vacinal é 95%. A proteção contra o sarampo é feita com a vacina tríplice viral, que imuniza também contra a caxumba e rubéola, e faz parte do calendário de vacinação. O imunizante é oferecido nas unidades de saúde do país em qualquer época do ano.

A tríplice viral é geralmente aplicada em duas doses. A primeira, tomada com um ano de idade, e a segunda, com 15 meses. A campanha de 2022 começou em janeiro e vai até dezembro deste ano. A cobertura em 2021 foi baixa, somente 50,1% do público-alvo no Brasil recebeu a segunda dose da vacina tríplice viral.

Uma das consequências da queda da vacinação é o avanço da doença. Depois de ter recebido a certificação de país livre do sarampo pela Organização Pan-americana de Saúde (Opas), em 2016, o Brasil passou a registrar, nos últimos anos, o avanço da doença em todo o território nacional. O Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde mostra mais de 40 mil casos e 40 mortes causadas pelo sarampo desde 2018, sendo mais da metade em crianças menores de 5 anos.